Enquanto que a prova do circuito Challenger Series está quase a começar, Ballito recebeu mais dois eventos com competidores portugueses a participar e num deles houve muito sucesso.

Entre os competidores sul africanos, brasileiros, havaianos, norte-americanos, marroquinos e não só presentes na prova Pro Junior estava apenas um surfista nacional, Jaime Veselko, que tratou de representar muito bem o seu país. Logo no seu heat de estreia o local de Carcavelos passou em primeiro, deixando em segundo lugar o campeão Europeu de sub18 e competidor dos Challenger Series, Kai Odriozola, eliminado dois sul africanos.

Na fase seguinte, o round de 32, Jaime passou o seu heat em segundo lugar, atrás do local de Cape Town, Connor Slijpen, mas bem destacado de mais dois sul africanos, que foram eliminados. Seguiu-se o round de 16, realizado em condições muito inconsistentes mas, mesmo surfando apenas três ondas, Veselko conseguiu o segundo lugar, avançando atrás do havaiano Kai Martin e deixando novamente dois locais de fora.

Seguiram-se os quartos de final man-on-man onde o português bateu novamente o basco Odriozola, avançando para as meias finais juntamente com os havaianos Shion Crawford e Kai Martin e o campeão mundial júnior de 2022/23, Jarvis Earle. Foi aí que terminou a prestação de Jaime, que mais uma vez surfou muito mas foi superado por menos de meio ponto por Kai, enquanto que Jarvis acabou por vencer a final.

Ainda antes do início da prova Challenger Series, realizou-se uma prova QS 1.000, onde Guilherme Ribeiro esteve em destaque, avançando até ao round de 32.

Acompanha a evolução do Ballito Pro em directo AQUI!

Comentários