Quem está pronto para ver três surfistas portugueses a competir na estreia do nosso desporto nos jogos olímpicos? Falta pouco mais de uma semana para o arranque, descobre quem serão os adversários, como é o formato e mais algumas novidades.

Para começar, algo que não estamos habituados a ver, os competidores estarão sem autocolantes dos seus patrocinadores nas pranchas não só durante o evento mas já a partir do dia 13 de Julho. Apenas serão permitidos os anéis olímpicos, marca das pranchas e pouco mais.

A prova começa com um round de 5 heats de quatro surfistas, onde as portuguesas Yolanda Hopkins e Teresa Bonvalot contam com o seeding número 9 e 10 e Frederico Morais é o número 17 da prova masculina. O facto de haver apenas 20 surfistas em prova, ao contrário do típico múltiplo de 12, faz com que o formato seja um pouco diferente tanto das provas da WSL como ISA, apesar de manter rounds de repescagem e um main event.

A transmissão do evento não será pela web como estamos habituados, mas sim via canais tradicionais de televisão, sendo que o evento completo de surf poderá não ficar disponível em directo.

No “plano internacional” ainda havia algumas dúvidas sobre a participação de John John Florence devido à sua lesão recente mas o 2x campeão mundial já confirmou a sua presença para grande desilusão de Kelly Slater, que assim fica definitivamente fora do evento.

A esta hora os portugueses já conhecem os seus adversários, que serão os seguintes:
Prova masculina
Heat 2
Kanoa Igarashi x Jeremy Flores x Miguel Tudela x Frederico Morais

Prova feminina
Heat 1
Carissa Moore x Teresa Bonvalot x Daniella Rosas x Dominic Barona
Heat 5
Caroline Marks x Yolanda Hopkins x Leilani McGonnagle x Ella Williams

Mais novidades em breve…

Comentários