O circuito feminino na Liga MEO Surf tem mais uma etapa que o masculino, o que faz dele ainda mais competitivo.

Foi Teresa Bonvalot quem arrancou na frente, com uma vitória em Ribeira D’Ilhas, mas entretanto foi superada por uma surfista em grande ascensão que esteve presente em todas as finais e venceu as duas seguintes.

Com dois primeiros lugares e um segundo, Yolanda Hopkins lidera o ranking e é sem dúvida uma fortíssima candidata ao título. Bonvalot e a sua principal adversária neste momento mas, tendo em conta a proximidade de datas com alguns eventos importantes da WSL, a sua presença não é garantida nas próximas etapas.

Quem também poderá ter algo a dizer nesta disputa pelo título é a campeã em título, Camilla Kemp, que faltou a uma etapa mas fez 2º e 3º lugares nas outras duas enquanto que a bicampeã deste circuito, Carol Henrique, também esteve ausente mas apenas conseguiu fazer um resultado sólido até agora, um 3º lugar. Ambas estão na mesma situação de Bonvalot, com o foco mais no circuito QS que na Liga.

Também Mafalda Lopes e Concha Balsemão contam com dois bons resultados e outras surfistas, como Matilde Passarinho, já conseguiram pelo menos um resultado sólido mas a competitividade deste circuito faz com que, neste momento, ainda não se possam considerar como legitimas candidatas ao título, algo que poderá mudar com um par de vitórias nas etapas que se seguem!

Top10 após 3 etapas
1º – Yolanda Hopkins
2º –
Teresa Bonvalot
– Matilde Passarinho
– Carolina Santos
– Gabriela Dinis
– Mariana Brandão
– Camilla Kemp
– Beatriz Carvalho
– Mafalda Lopes
10º – Concha Balsemão

Comentários