Já “rola” o Vissla ISA World Junior Surfing Championship, a prova que vai decidir os campeões mundiais de sub16 e sub18. Portugal mais uma vez levou uma selecção muito forte a Hyuga, Japão, e a estreia nos rounds iniciais foi positiva.

Primeira na água foi a categoria de sub18 e o primeiro a competir foi Francisco Almeida, que venceu o seu heat com um par de notas de 4 pontos, deixando Brock Crouch dos EUA em segundo lugar.

POR_Tomas_Ribeiro_Ben_Reed-19

Tomás Ribeiro surfou soltinho e seguiu para o round 2.

Seguiu-se Tomás Ribeiro, que encontrou um inspirado Noah Hill mas conseguiu virar o heat com as suas duas últimas ondas, passando em segundo atrás do norte-americano.

Gonçalo Vieira foi quem fez a média mais alargada, graças a notas de 7.73 e 8.01 mas apenas passou em segundo lugar pois o seu adversário era Cole Houshmand, um dos competidores mais inspirados desta fase. Cole fez notas de 9.33 e 8.17 e seguiu para a fase seguinte em primeiro lugar.

Gonçalo Vieira fez a melhor média entre os portugueses.

Gonçalo Vieira fez a melhor média entre os portugueses.

Por se estrear nos sub18 ficou João Moreira, que se encontrava no penúltimo heat desta primeira fase.

Nos sub16 o arranque foi um pouco mais difícil pois o primeiro luso na água, Guilherme Ribeiro, apesar de ser uma das grandes esperanças desta selecção foi surpreendido pelas duas últimas ondas de Micha Cantor. Em primeiro lugar ficou o surpreendente italiano, Papa Edoardo venceu o heat, deixando o surfista da Caparica em 3º lugar a caminho da repescagem.

João Vidal e Joaquim Chaves passaram os dois em segundo lugar atrás de surfistas norte-americanos enquanto que Afonso Antunes não chegou a entrar na água.

O Vissla ISA World Junior Surfing Championship regressa dentro de horas. Acompanha a evolução desta prova AQUI!

Comentários