Tiago Pires fora do WCT de 2015…

publicado há 2 anos por 0

TIAGO-PIRES-FORA-DO-WCT-DE-2015

Ao perder o seu heat do round 2 do Billabong Pipe Masters, Tiago Pires perdeu as suas hipóteses de se manter no World Championship Tour. Pires esteve entre a elite do surf mundial durante 7 anos, um feito histórico para o surf português e europeu.

Nos seus anos no tour, o português teve grandes momentos, apesar de nunca ter vencido uma etapa. Podes ver os 12 heats mais marcantes da sua carreira no WCT AQUI! 2010 foi o seu melhor ano, tendo terminado em 21º lugar no ranking final.

O ano de 2014 foi cheio de altos e baixos e logo na segunda etapa uma lesão complicou o seu percurso, tendo de se retirar de um evento, Margaret River Pro, onde poderia ter tirado um bom resultado. A sua melhor etapa foi o Billabong Pro Teahupoo, em que terminou em 9º lugar. Infelizmente faltaram resultados semelhantes para subir no ranking e mesmo no circuito de qualificação só conseguiu um bom resultado, um 3º lugar na etapa Prime de Balito.

Tiago chegou ao Havai com uma dura tarefa pela frente pois tinha de fazer pelo menos uma final numa das etapas Prime (mais um resultado sólido) ou 3º lugar ou melhor no Billabong Pipe Masters.

Na etapa de Haleiwa o português mostrou potencial de tirar um bom resultado mas acabou por ficar na 17º posição. A etapa de Sunset não correu melhor e Saca ficou sem hipóteses de se qualificar pelo WQS. Poucas semanas depois começou a etapa de Pipeline e o primeiro heat não correu bem, perdendo em 3º e caindo para a repescagem.

A partir desse momento Tiago não podia perder mais nenhum heat pois teria de chegar pelo menos às meias finais. O seu adversário no round 2 era Jadson André que abriu a bateria com um dos melhores tubos do dia, recebendo a nota de 9.37. As ondas passavam os 10 pés e Saca atirou-se de cabeça a algumas ondas pesadas, mas não conseguiu as notas que precisava e foi eliminado.

E assim terminou, pelo menos até ao fim de 2015, a carreira do melhor surfista português de todos os tempos no WCT! Em entrevista, poucos minutos depois da sua bateria, Tiago confessou que ainda não sabe bem o que vai fazer em 2015 mas que o circuito de qualificação está mais apelativo que no passado. Força Saca!!!

Comentários