Drug Aware Margaret River Pro | Dias 4 & 5

publicado há 2 anos por 0

margaret-2-e-4

Depois de 3 dias de condições difíceis em The Box o pico principal de Margaret recebeu os rounds 4, 5 e os quartos de final. Foi preciso o vento baixar, o que parece ter sido a receita certa para fazer desta etapa o campeonato que se esperava, com grandes ondas e excelentes heats.

John John Florence vinha a fazer uma prova quase “modesta” até aqui e mesmo sem grande tubos colocou-se como grande favorito para vencer esta etapa. No heat 1 do round 4 a precisar de uma onda de 9.23 para vencer contra Michel Bourez e Jeremy Flores, JJ encheu uma onda de fortes carves, conseguindo 9.5 e a vitória, além de definir a escala das notas altas do dia.

A vitória garantiu-lhe uma vaga nos quartos de final, onde se encontrou com o “danger man” do evento, Jay Davies. Mais uma vez Florence surfou ondas pesadas de três metros como se estivesse a surfar meio metro num beach break, soltando grandes rasgadas e finalizando com manobras arriscadas, deixando o vencedor dos trials numa combinação.

Julian Wilson fez o melhor heat do dia no round 5, batendo Owen Wright com a média de 19.06 contra 13.00. Depois de ter começado o ano com uma final, Julian garante-se como candidato ao título mas precisava de acabar à frente de Adriano de Souza para que o brasileiro não ficasse com uma liderança tão folgada. Só que Adriano estava “on a mission”, batendo Josh Kerr no round 5 com grandes rasgadas e snaps layback no lip. Nos quartos bateu o seu velho rival, o 11x campeão do mundo Kelly Slater. Espera-se sempre grandes heats quando estes dois calham juntos mas desta vez Slater facilitou a vida do mais recente líder do circuito. Adriano começou a fazer pontuações altas logo no início do heat e Kelly esperou muito pelas suas ondas e partiu a sua prancha a meio da bateria. No último minuto fez a sua primeira onda boa mas só deu para sair da combinação, acabando a prova em 5º lugar.

Também eliminados nesta fase ficaram Michel Bourez e Julian Wilson, batido por Nat Young e Taj Burrow. Entretanto o vento on-shore estava a caminho e Kieren Perrow optou por parar o campeonato já que é possível que The Box volte a estar com condições perfeitas.

No dia seguinte, no pico principal, a prova feminina regressou à água com boas condições apesar de estar um pouco mais de vento e mais pequeno que no dia anterior. A grande novidade do dia foi ausência de Stephanie Gilmore nos seus heats do round 3 e 4, retirando-se do evento devido a uma lesão. As surpresas do dia foram Tatiana Weston-Webb e Bianca Buitendag que surfaram muito bem de backside e garantiram vagas nos quartos de final. Acompanha o próximo dia de prova em directo AQUI!

 

Comentários