Foram mais de 40 atletas que lutaram pelo título hoje, sábado, 7 de maio, na segunda etapa do Campeonato Nacional de Longboard, que se realizou na Praia de Leça da Palmeira. António Dantas (Open), Raquel Bento (categoria Feminino) e Francisco Freitas (Sub 18) foram os grandes vencedores desta prova que ficou concluída em apenas um dia, pelas boas condições oferecidas face às previsões de menos ondas e mais nevoeiro para amanhã, domingo.

Esta 2.ª etapa do Campeonato Nacional de Longboard, prova que não se realizava no Norte desde 2019, está inserida no Porto&Matosinhos Wave Series 2022, iniciativa que reúne um conjunto de competições de desportos de ondas, organizada pela Onda Pura Surf Center, com a colaboração das câmaras municipais do Porto e Matosinhos, com o apoio técnico da Federação Portuguesa de Surf.
“Este regresso do longboard a Leça da Palmeira foi um êxito, as condições de mar estavam ótimas para a competição e permitiram aos atletas mostrar o seu surf. Conseguimos, com a colaboração de todos os atletas, realizar toda a prova num só dia, dado que as previsões para amanhã apontavam para uma descida do mar. Viveu-se aqui na praia um grande dia de sol, acompanhado de toda a boa energia e animação clássicas do longboard e de toda a sua envolvente. Parabéns a todos os atletas!”, salienta Marcelo Martins, da Onda Pura Surf Center, responsável pela organização do evento.

Após uma hora on hold devido ao denso nevoeiro, o campeonato arrancou com as triagens, seguindo-se os oitavos de final, quartos de final, meias-finais e finais das três categorias. Foram baterias bem disputadas, mas com alguns dos favoritos dos clubes do Norte, como Pedro Barbosa e Sebastião Maia, a serem eliminados nos ¼ de final.

A final de Sub 18 começou com o domínio do Frederico Carrilho (NOCAS – Never Old Caparica Associação de Surf) com duas boas ondas surfadas, mas Francisco Freitas (Península de Peniche Surf Clube) não deixou de ir à procura da nota que precisava e acabou por conseguir ultrapassar os seus concorrentes e sagrar-se campeão com um score total de 11,66, deixando também para trás Tomás Bugallo (Associação Mar de Espinho) e Daniel Hoeger (Associação Onda do Norte).

Já na final da categoria Feminino o domínio foi absoluto por parte de Raquel Bento (NOCAS – Never Old Caparica Associação de Surf), atleta que é bicampeã nacional de Longboard e vencedora da primeira etapa do circuito este ano. Na luta por mais um título, Raquel ultrapassou as suas concorrentes Maria Melendez (Surfing Clube de Portugal), Joana Gorgueira (NOCAS – Never Old Caparica Associação de Surf) e Francisca Taron (Surfing Clube de Portugal) com grande vantagem, conseguindo o título com um score final de 14,84. De salientar que Raquel Bento e Maria Melendez também competiram na categoria Open, com o objetivo de ganhar experiência competitiva.

No Open a competição foi renhida entre os irmãos Dantas, João e António, ambos atletas do Surfing Clube de Portugal – embora nesta categoria seja costume assistir-se a um domínio do campeão nacional e representante de Portugal no World Longboard Tour, João Dantas, desta vez foi o seu irmão mais novo, António Dantas, que se destacou, confirmando o grande nível de surf que já havia demonstrado na primeira etapa na Caparica e conquistando o primeiro lugar em Leça da Palmeira com um score final de 15,30. Em terceiro e quarto lugar ficaram, respectivamente, João Gama (Surfing Clube de Portugal) e Lipe Ferreira (Associação de Surf da Costa da Caparica).

Esta segunda etapa do Campeonato Nacional de Longboard está integrada no Porto&Matosinhos Wave Series 2022, iniciativa organizada pela Onda Pura Surf Center, com a colaboração das câmaras municipais do Porto e Matosinhos, bem como da Junta de Freguesia de Matosinhos e Leça da Palmeira, com o apoio técnico da Associação Onda do Norte e da Federação Portuguesa de Surf. O evento conta ainda com os apoios do Turismo do Porto e Norte de Portugal, da Goldenergy, da 58 Surf, da Ramirez, da Vitalis, da Unilabs, do Hospital de Santa Maria – Porto e da MEO. Conta também com os media partners Fuel TV, Surf Total, Beachcam e ONFIRE Surf.

CLASSIFICAÇÕES:
SUB 18
1.º Francisco Freitas
(Península de Peniche Surfing Clube) – 11,66
2.º Frederico Carrilho (NOCAS – Never Old Caparica Associação de Surf) – 10,50
3.º Tomás Bugallo (Associação Mar de Espinho) – 6,30
4.º Daniel Hoeger (Associação Onda do Norte) – 4,73
FEMININO
1.º Raquel Bento
(NOCAS – Never Old Caparica Associação de Surf) – 14,84
2.º Maria Melendez (Surfing Clube de Portugal) – 8,36
3.º Joana Gorgueira (NOCAS – Never Old Caparica Associação de Surf) – 4,53
4.º Francisca Taron (Surfing Clube de Portugal) – 3,73
OPEN
1.º António Dantas (Surfing Clube de Portugal) – 15,30
2.º João Dantas (Surfing Clube de Portugal) – 15,00
3.º João Gama (Surfing Clube de Portugal) – 11,10
4.º Lipe Ferreira (Associação de Surf da Costa da Caparica) – 9,60

Comentários