WSL revela punição de Medina…

publicado há 2 anos por 0

WSL-REVELA-PUNICAO-DE-GABRIEL-MEDINA

Foi ontem que a WSL revelou qual será a punição de Gabriel Medina por ter dito um palavrão no ar, se é que se pode considerar isso uma punição. O momento polémico aconteceu no penúltimo dia do Quiksilver Pro Gold Coast.

Horas depois de ser eliminado por interferência num heat renhido Medina foi chamado para uma entrevista em directo para a webcast. O brasileiro estava visivelmente incomodado com a maneira como perdeu. Apesar de ter cometido um erro estratégico a decisão do júri foi bastante duvidosa pois mesmo a regra é bastante subjectiva. Seria interferência se Gabriel tivesse interferido na onda do seu adversário, Glenn Hall, o que na verdade não aconteceu. Excepto se considerarmos uma “razia” seja suficiente para impedir que Hall surfasse a onda ao máximo do seu potencial, que foi o que o júri decidiu que tinha ocorrido.

Além de comentar que não concordava com a interferência Gabe ainda disse que Kieren Perrow tinha falhado na sua decisão de esperar tanto para meter a prova novamente na água. Até aí, por mais que “doa” à WSL, ninguém podia apontar o dedo, já que a sua opinião foi pedida. Mas para terminar a conversa Medina pecou ao fizer a palavra “fuck” e antes que conseguisse concluir a sua frase e colocá-la em contexto Peter Mel retirou-lhe o microfone.

E, como não podia deixar de ser, uma punição estava a caminho. A WSL deliberou e atribuiu uma multa a Medina apesar de se ter especulado que o veredicto poderia ser uma suspensão. Não foi revelado o valor mas especula-se que foi bastante simbólico.

E haveria razão para mais?

Comentários