Travis Logie abandona circuito mundial

publicado há 2 anos por 0

TRAVIS-LOGIE-REFORMA

Nos anos 90 era muito vulgar que mesmo surfistas qualificados para o WCT anunciassem a sua reforma. Na altura 28/30 anos era altura de fim de carreira e surfistas como Martin Potter e Dave Macaulay abdicaram das suas vagas quando ocupavam a 9º e 10º posição do WCT, em 1994. Poucas etapas depois, no início de 1995, seria Rob Bain, da mesma geração, a abandonar a elite e outros se seguiram nas épocas seguintes.

Dez anos depois já era vulgar ter surfistas até aos 27 anos a qualificar-se pela primeira vez e hoje 13 dos 32 do WCT têm 30 anos ou mais. Actualmente as carreiras alongaram-se e os surfistas por norma ficam no tour (salvo cada vez mais raras excepções) enquanto se conseguirem manter dentro da qualificação.

A transição de 2014 para 2015 vai ter uma das maiores renovações de nomes dos últimos anos e um dos surfistas que garantidamente não estará no tour no próximo ano é Travis Logie. O sul africano é um dos veteranos do WCT e apesar de ter estado vários anos no tour nunca conseguiu melhor do que um 20º lugar (2012).

Actualmente Logie ocupa a 32º posição do ranking o que significa que só uma vitória em Pipeline lhe salvava o ano. No WQS ainda tinha hipóteses caso chegasse às fases finais em Haleiwa e Sunset. Mas foi depois de uma vitória num heat no Reef Hawaiian Pro que Travis anunciou que não está pronto para voltar a correr o circuito de qualificação e já estava decidido em abandonar o circuito.

Nem todos os surfistas do tour conseguem fazer boas transições para a fase seguinte das suas carreiras mas Travis parece já ter o seu plano bem definido, apesar de não ter ainda revelado o que vai fazer. E assim mais uma grande carreira chega ao fim!

Comentários