O Innersection é sem dúvida o maior concurso de vídeos de surf online e vencê-lo dá um gigantesco “boost” na carreira de qualquer surfista. Dos quatro cantos do mundo surfistas, muitos desconhecidos, enviam os seus vídeos, e o de Raph Bruhwiler é um exemplo.

E é um excelente exemplo, não de um surfista desconhecido mas pouco conhecido da maioria. Para já pelo facto de vir do Canadá, um sítio com ondas incríveis e com muitos spots ainda escondidas do mundo, uma vez que esses ficam algures no meio da gigantesca floresta canadiana; depois por Bruhwiler nunca ter tido um resultado altamente expressivo numa competição mundial.

Raph Bruhwiler é um surfista que adora caçar, principalmente quando o surf não está bom. Fá-lo para se alimentar e não por desporto, e o seu alimento preferido é o veado. Mas quando o surf está bom, Bruhwiler coloca a espingarda de lado e pega noutra “gun”, a sua prancha. E é mesmo uma gun que este, o primeiro surfista profissional canadiano, precisa em dias grandes no Canadá… Mas enquando estes não chegam, nos dias normais, Bruhwiler diverte-se a dar longos e intensos tubos que quebram provavelmente em algumas das mais extraordinárias paisagens do mundo, e a destruir as ripáveis ondas canadianas.

Mais do que sair do Canadá para competir, Bruhwiler prefere ficar por casa a filmar e fotografar. Juntou tantas filmagens que pediu a Adam DeWolfe para editar um clip com o qual concorreria ao Innersection. É esse clip, que te mostra algumas pérolas canadianas, que podes ver já aqui em baixo.

E Já agora, este é um dos clips que compete com o do luso-germânico Nicolau Von Rupp que como sabes porque leste aqui, também enviou o seu explosivo clip para o Innersection.

YouTube Preview Image

 

Comentários

Os comentários estão fechados.