Nuande Pekel já foi um dos mais mediáticos surfistas do nosso país! Este surfista brasileiro, que emigrou para Portugal há mais de 10 anos, trouxe consigo um surf muito moderno que, aliado a uma bonita linha de surf, deu muito que falar no lineup. Apesar de trazer competitividade suficiente para ter feito uma final no WQS, afastou-se da competição e perseguiu uma carreira como free surfer.

Nos últimos anos, afastou-se do olho do público e dedicou-se mais a outra carreira onde tem tido grande sucesso, “chef” de Sushi. Mas o seu surf continua impressionante e talvez por isso tenha recebido novamente o reconhecimento de uma grande marca, que apostou nela para ser o seu “embaixador” na praia.

A ONFIRE soube da novidade e fez-lhe algumas perguntas para ficar a saber mais sobre a actualidade deste impressionante surfista.

Pekel sabemos que acabaste de assinar com uma marca nova, como te sentes?
Eu estou muito contente de fechar esse patrocínio de prancha e roupa com a Rusty.  Já estava há mais de dois anos sem patrocínio, muito porque resolvi me focar mais no restaurante de sushi do qual sou chef. É de lá que tiro meu sustento pois se a vida de competidor já e complicada, a de free surf e ainda mais é e quase que os atletas “pagam” para serem patrocinado!

Largaste a competição há alguns anos, é algo que ponderas voltar a fazer?
Larguei porque não via futuro nenhum em estar competindo! E, claro, aquela burocracia toda com a minha nacionalidade também fez que eu desanimasse um pouco. Hoje não me vejo mais competindo, mas claro que se for convidado para algum evento lá estarei!

Quais são os teus objectivos no surf?
Depois desse tempo afastado da media nunca deixei de fazer o que gosto e continuei viajando e cobrindo as despesas sozinho. Hoje fico grato de estar sendo reconhecido pelo meu trabalho e pelo meu surf , a Rusty está me patrocinando para eu ser apenas o Pekel , claro que vou tentar dar o retorno merecido a essa marca com que se sempre me identifiquei

Para terminar, foste considerado um dos melhores no teu ramo recentemente, achas que és melhor surfista ou “sushiman”?
Hahahahha, cara, outro dia estava conversando com um amigo e até falei uma parada que vai de encontro a essa pergunta. Eu agradeço estar a fazer as coisas com naturalidade e irreverência e fico muito contente e entusiasmado quando sou reconhecido por isso pois é sinal que estou no caminho certo!

(A participação de Nuande Pekel no MOCHE Winter Waves)

Comentários

Os comentários estão fechados.