Falta uma semana para o regresso dos melhores surfistas nacionais à Liga MEO Surf, o principal circuito do surf português, onde estão em jogo os títulos de campeões nacionais. A icónica praia de Ribeira D’Ilhas volta a ser o palco inaugural para o Allianz Ericeira Pro de 1 a 3 de março, onde Miguel Blanco e Camilla Kemp vão defender não só os títulos nacionais como também a vitória na etapa.

Miguel Blanco, campeão nacional 2018
“Penso que o título que conquistei o ano passado não teve muitos segredos. Foi um ano igual aos outros, mas em que as coisas se alinharam e correram bem, acabando por conseguir vencer etapas, a começar logo pela inaugural, na Ericeira. Quero voltar a estar bastante ativo em 2019 e renovar o título é, claramente, um objetivo. Vou poder ir a todas as etapas e tenho a certeza que vai ser mais um grande ano de uma Liga que tem um nível de surf incrível.”

Camilla Kemp, campeã nacional 2018
“Para mim é muito bom começar a Liga MEO Surf na Ericeira. Ribeira d’Ilhas tem uma onda que adoro, uma direita em que nos podemos divertir e aproveitar as ondas ao máximo. Competir apenas com mais duas ou três pessoas na água em Ribeira d’Ilhas é fantástico. No ano passado o mar esteve bem grande, por isso talvez seja melhor preparar umas pranchas maiores para este ano. Espero que a etapa corra da melhor maneira possível, quero apanhar ondas boas e tentar passar heat a heat para no final estar a lutar pela vitória”.

É também na Ericeira que a “licra Santander” vai ser distintivamente utilizada pelos surfistas com seeding mais elevado, designadamente, Gony Zubizarreta e Camilla Kemp.

Lista de vencedores Allianz Ericeira Pro (últimos 5 anos):
2014 – Vasco Ribeiro e Carina Duarte
2015 – Tiago Pires e Teresa Bonvalot
2016 – Gony Zubizarreta e Camilla Kemp
2017 – Tiago Pires e Carol Henrique
2018 – Miguel Blanco e Camilla Kemp

Este será o décimo ano consecutivo que a principal competição nacional de surf vai até à Ericeira, primeira Reserva Mundial de Surf na Europa e um dos palcos primordiais e mais históricos do surf nacional. Por seu turno, celebra-se aqui também a 7.ª edição de Naming Sponsor da Allianz Portugal e seu apoio aos melhores surfistas nacionais.

Hélder Sousa Silva, Presidente da Câmara Municipal de Mafra:
“A Reserva Mundial de Surf da Ericeira dá as boas-vindas à etapa inaugural da competição que elege os campeões nacionais de surf. Esta é uma oportunidade para prestar homenagem às gerações de surfistas que, ao longo dos tempos, enalteceram estas ondas, mas também para divulgar a mensagem de preservação e sustentabilidade ambiental subjacente a este galardão.

José Francisco Neves, Membro do Comité de Direção e Director de Market Management da Allianz Portugal
“A ligação ao Surf é uma das apostas da Allianz Portugal já há alguns anos, com o objetivo estratégico de nos aproximarmos de um público-alvo dinâmico e de espírito aberto, que gosta de arriscar e de viver intensamente. Estes são os principais drivers do novo posicionamento “Explore Connosco” que assumimos, e com o qual desafiamos as pessoas a aproveitarem e a explorarem todos os momentos, a viverem a Vida em pleno. A ligação ao Surf através da Allianz Triple Crown permite-nos reafirmar uma vez mais esta atitude, gerando uma maior proximidade com todas as pessoas que praticam e acompanham a modalidade. O Allianz Ericeira Pro na praia de Ribeira d’Ilhas marca o início destas 3 etapas e esperamos que traga boas ondas e o bom ambiente já habitual, a todos os surfistas e ao público em geral.”

Allianz Ericeira Pro 2018 em números:
– Campeões da Etapa: Miguel Blanco e Camilla Kemp;
– 674 ondas surfadas por 92 surfistas inscritos;
– Melhor onda (máximo 10 pontos): 9,00 de Miguel Blanco (1.ª ronda);
– Melhor pontuação (máximo 20 pontos): 16,90 de Miguel Blanco (1.ª ronda)

O Allianz Ericeira Pro marca igualmente o arranque da Allianz Triple Crown, que vai para a quinta edição consecutiva e distribuiu um prémio total de 6.000 euros. Em termos de troféus laterias, acrescem a luta pela melhor manobra na Renault Expression Session e pela Somersby Onda do Outro mundo (ambos com 2.500€ anuais), e ainda a designação dos melhores surfistas locais (masculino e feminino) com uma premiação de 1.500€ por via da Câmara Municipal de Mafra. Iniciar-se-á também a luta pelo Santander Award (1.500€ a atribuir no final do ano). A premiação global da Liga MEO Surf é de 100.000€.

Em termos de agenda complementar à competição, o Allianz Ericeira Pro contará com as limpezas de praia da Fundação Altice, as iniciativas de alimentação saudável e proteção da biodiversidade promovidas pela Jerónimo Martins, e ainda o círculo de conhecimento e educação junto das universidades em parceria com o Banco Santander.

Rip Curl Fantasy
Prémio vencedor etapa: Fato Rip Curl E-Bomb 3.2
Prazo de constituição das equipas: hora do Call do primeiro dia de prova
Mais informações em fantasy.ansurfistas.com

Todas as etapas poderão ser acompanhadas em direto na Sport TV, assim como nos restantes meios oficiais: facebook do MEO, app na posição 810 da grelha de canais MEO, www.ansurfistas.com e redes sociais em @ansurfistas.

Comentários