Gabriel Medina é o campeão mundial de 2014

publicado há 2 anos por 2

GABRIEL-MEDINA-ASP-WORLD-CHAMPION-2014

Foi no 12º dia do Billabong Pipe Masters que Gabriel Medina se tornou no primeiro surfista brasileiro campeão mundial da ASP! Ao passar o seu heat do round 3, contra Dusty Payne, com duas ondas na casa dos 8 pontos, Medina avançou para o round seguinte deixando Kelly Slater fora da disputa.

A partir desse momento a pressão ficou em cima de Mick Fanning, que estava no heat 9 da terceira fase contra Jeremy Flores. Caso o tri-campeão mundial australiano fosse eliminado Gabriel seria campeão mundial. Jeremy foi o primeiro a apanhar uma onda, garantindo uma nota cedo no heat. O tempo começou a passar e Fanning continuava com sem qualquer onda, mas o requisito era baixo. Ao 9 minutos e meio Fanning finalmente apanhou a sua primeira onda e deu um tubo curto para backdoor, recebendo a nota de 2.67 enquanto que levava com um set na cabeça. Flores respondeu com um bom tubo para Pipeline, conseguindo a nota de 3.47. A fasquia aumentou para Fannning que assim precisava de 4.47 para passar. Jeremy voltou a melhorar a sua posição com mais um tubo para a direita, seguido de uma forte batida na junção. A esta altura faltavam 5 minutos e Fanning precisava de 5.0.

Até que a primeira onda boa apareceu e Fanning deu um longo tubo para backdoor, conseguindo a nota de 8.17 e passando para a frente. O surfista francês ficou a precisar de 6.85 para avançar mas a onda não apareceu e Fanning seguiu em frente.

No round 4, a fase não elimininatória, Medina tinha pela frente Josh Kerr e Filipe Toledo. Caso vencesse Gabriel garantia, pelo menos, um 5º lugar o que obrigava Fanning a vencer a etapa. Logo no início do heat o brasileiro fez questão de garantir duas notas, fazendo tubos para a esquerda e garantindo a média de 6.34. Toledo deu dois bons tubos para backdoor, deixando Medina a precisar de 6.8 enquanto que Josh Kerr caía na saída de um longo tubo para backdoor e pontuava baixa. Quando o líder do ranking fez 7 pontos num longo tubo para Pipe ficou na liderança mas esta não durou pois a onda seguinte de Toledo deixou-o a precisar de 8.24. Dois tubos para backdoor mais tarde Gabriel recuperava a liderança e acabava o heat na frente, colocando mais uma vez Fanning contra a parede.

Fanning não conseguiu acompanhar e perdeu para Adrian Buchan, caindo para a repescagem, onde teria como adversário Alejo Muniz.Durante os 15 primeiros minutos do heat, sem prioridade, nenhum dos dois conseguiu bas pontuações. Muniz fez o primeiro bom tubo da bateria, para backdoor e conseguiu 5.5 e condições cada vez piores. A 2 minutos do fim australiano apanhou uma onda com fraco pontencial e não conseguiu pontuar, deixando tudo na mão de Alejo. O tempo chegou ao fim e o resultado não mudou!

E foi aí que começou a festa brasileira! Gabriel Medina conseguiu não só o primeiro título mundial para o seu país como se tornou no único surfista, além de Slater, a conseguir um título mundial aos 20 anos de idade!

Parabéns Gabriel Medina!!! Parabéns Brasil!!!

Comentários

  1. Francisco leite diz:

    Kelly foi campeão mundial com 20 anos, Medina faz 21 daqui a uns dias..

    • sim ele faz daqui a uns dias portanto ele ainda tem 20 anos, o kelly foi campeão mundial aos 20 anos ganhando apenas 2 etapas,na frança e em Pipeline,o Gabriel ganhou 3 ou quase 4 se for ver essa final contestável em pipeline.