O Rip Curl Cup de Padang Padang é um special event realizado em Bali que só vai para a água quando as ondas estão épicas. Durante algumas semanas muitos dos melhores tube riders do planeta baseiam-se na Península de Bukit, que é onde estão localizadas ondas como Uluwatu, Bingin, Impossibles e, claro, Padang Padang, uma das esquerdas mais tubulares do planeta.

A prova arrancou nas melhores condições do ano até agora, e à final chegou um surfista que foi convidado para participar no evento pelo 3x campeão do mundo, Mick Fanning. Benji Brand, que ganhou notoriedade pelas suas prestações em ondas havaianas e no Tahiti, chegou à final da prova mas, a minutos do fim, perdia a precisar de uma nota excelente. O líder da bateria era Clay Marzo, um expert em esquerdas tubulares mas com uma competitividade abaixo da média. Clay conseguiu “esquecer” que estava em competição para ficar com a liderança do derradeiro heat da prova mas, a minutos do fim, Benji apanhou uma “bomba” e depois de ser engolido por várias secções saiu do tubo com uma nota de 9.67 e garantiu a vitória.

Também na final estava um surfista que já liderou o circuito mundial, Matt Wilkinson. O australiano caiu do tour em 2018 e este ano ainda não conseguiu mostrar o seu melhor surf no circuito de qualificação, ocupando neste momento a 133ª posição. Nesta final Wilko fez duas ondas muito boas mas, devido ao nível elevado da bateria não conseguiu fazer melhor que o 3º lugar, enquanto que o local Raditya Rondi ficou em quarto.

Resultados:

1. Benji Brand (ZAF) 17.94
2. Clay Marzo (HAW) 17.10
3. Matt Wilkinson (AUS) 16.16
4. Raditya Rondi (IND) 12.17

Comentários