10 duplas, compostas por muitos dos mais destemidos surfistas do planeta, irão em breve disputar a vitória de um dos campeonatos mais “pesados” da história do surf, o Nazaré Tow Surfing Challenge.

Fica a conhecer cada uma das duplas confirmadas para este evento:

Team Brazil | Rodrigo Koxa (BRA) & Pedro Scooby (BRA)

Rodrigo Koxa é natural de São Paulo e começou a surfar com 10 anos de idade. Foi aos 14 que se começou a interessar por surfar ondas grades e no ano seguinte começou a viajar por locais como México, Indonésia, Tahiti e, claro, Havai, onde chegou a residir. Foi nessa altura que decidiu que o foco da sua vida seria esse, dedicando a sua vida a concretizar esse sonho. Em 2010 uma onda que surfou no Chile foi finalista no Billabong XXL Global Big Wave Awards, algo que se repetiria mais vezes ao longos dos anos apesar de sempre ter “batido na trave”. Até que descobriu a Nazaré e começou a passar muito tempo no mais recente spot no mapa dos surfistas de ondas grandes. Na manhã de 8 de Novembro de 2017 surfou uma onda na Praia do Norte que mudaria a sua vida. Muito rapidamente a sua onda percorreu o mundo e ficou claro que não só era uma forte candidata ao prémio de maior onda do ano como poderia ser a maior alguma vez surfada. Depois de boa análise pela WSL foi decretado que a onda tinha a altura de 24,38 metros, batendo assim o recorde de Garrett McNamara no mesmo local. Seguiu-se o reconhecimento pelo Guinness World Record e uma visibilidade sem paralelo, fazendo de Koxa um dos mais conhecidos surfistas da actualidade.

 

 

Uma pesquisa por Pedro Scooby na internet apresenta mais resultados ligados às suas relações amorosas, que já passaram por estrelas como Luana Piovani, Anitta e agora, Cintia Dicker, que pelo seu percurso como surfista, apesar deste conseguir ser igualmente impressionante.  Pedro foi dos poucos surfistas que escaparam à vaga de transferências da Nike para a Hurley em 2012, tendo permanecido 100% patrocinado por esta que é uma das maiores marcas da história, um contrato que só terminou em 2019. Em 2011 já dava que falar a nível mundial tendo sido nomeado para duas categorias no Billabong XXL Big Wave Awards, “Ride of the Year” e “Tube Award”, versão remada. No ano seguinte a revista Alma Surf atribuiu-lhe o prémio de “Melhor free surfer do ano” e a Fluir na categoria de “Tubo do Ano”. Também em ondas pequenas Scooby é impressionante, com o surf mais progressivo entre todos os competidores do Nazaré Tow Surfing Challenge. No entanto o seu foco é cada vez mais no “big surf” e é um facto que o Team Brazil é um dos maiores candidatos à vitória.

 

 

O período de espera do Nazaré Tow In Surfing Challenge já começou e vai até dia 31 de Março de 2020. Fica a saber mais AQUI!

Comentários