Finalmente chegou ao fim o circuito de qualificação da WSL e foram revelados alguns dos novos nomes no mais importante circuito de surf do planeta. Antes desta prova já estavam confirmados os nomes de Jesse Mendes, Griffin Colapinto, Yago Dora, Tomas Hermes e William Cardoso.

Estes surfistas ocupavam 5 das 6 primeiras posições, sendo outra delas ocupada pelo jovem norte-americano Kanoa Igarashi, que é potencialmente um double qualifier. Entre os 7º e 10º lugares estavam Keanu Asing, Wade Carmichael, Ítalo Ferreira e Ezekiel Lau. Entre eles Wade e Ítalo conseguiram pontuar bem nesta etapa mas mesmo a dupla havaiana, Asing e Lau, conseguiu segurar a sua posição mesmo tendo tido uma prestação fraca nesta prova.

Muitos outros, como por exemplo Vasco Ribeiro e Pat Gudauskas, precisavam de grandes resultados para roubar uma dessas vagas mas não conseguiram concretizar os seus objectivos. O português, Ribeiro, precisava de uma vitória e chegou a mostrar forma para o fazer mas acabou eliminado nos quartos de final. Já Gudauskas ficou dolorosamente perto desse objectivo. Com um 5º lugar nesta prova Patrick conseguia superar Michael Rodrigues, que não está no top10 mas entra se houver algum double qualifier. O surfista de San Clemente estava nas meias finais e na sua última onda precisava de 5.81 para 3º lugar (o que equivalia a um 5º lugar na prova) no heat mas apenas conseguiu 5.77 .

Digno de nota também é o facto de alguns surfistas, como por exemplo Wiggolly Dantas e Conner Coffin não terem competido em 5 etapas QS, o que os deixou fora do top10 por muito pouco e a precisar de um resultado em Pipeline. Seguramente um erro que em 2018 não voltam a fazer.

Novos nomes no Championship Tour de 2018:
Griffin Colapinto;
Jesse Mendes;
Wade Carmichael;
Tomas Hermes;
Yago Dora;
William Cardoso;

Regressado ao Championship Tour:
Kaenu Asing;

E ainda podem entrar os seguintes surfistas:
Michael Rodrigues*;
Patrick Gudauskas**;
* qualificado se Kanoa Igarashi ou Ítalo Ferreira consguirem ficar entre os 22 primeiros do Championship Tour de 2017.
** qualificado se ambos Kanoa Igarashi e Ítalo Ferreira consguirem ficar entre os 22 primeiros do Championship Tour de 2017.

Ainda por definir estão os nomes dos competidores qualificados pelo Championship Tour depois do Billabong Pipe Masters.

Comentários