Surfline prevê colocação de Frederico Morais perto do top10 do Championship Tour

publicado há 4 meses por 0

SURFLINE-APOSTA-EM-FREDERICO-MORAIS

Uma coisa é ser respeitado no nosso país, outra coisa é ter reconhecimento internacional. Quando se tornou no primeiro surfista português a entrar no Championship Tour, Tiago Pires já era bem referenciado pelos media internacionais e pelos surfistas profissionais em geral.

Recentemente Frederico Morais conseguiu repetir esse feito e não apenas na parte de qualificação. O surfista do Guincho entra no tour com uma reputação sólida, graças às suas performances um pouco por todo o circuito de qualificação mas também pelos “estragos” durante o MEO Rip Curl Pro Portugal de 2015 e na Triple Crown os Surfing de 2016.

De tal modo que Nick Carroll, irmão do 2x campeão mundial Tom Carroll, ex-competidor do tour e um dos mais respeitados jornalistas de surf do planeta, colocou-o logo como grande candidato a terminar 2017 perto do top10. Foi na rubrica “Pre Season Power Rankings”, da Surfline que Nick fez uma previsão muito positiva do português. Carroll escreveu o seguinte: “Surfista poderoso, cheio de pensamento positivos, com forte experiência no CT. 2017 foi feito para um surfista como Frederico Morais./…/ O painel irá adorá-lo e pedir por mais. Fiquem atentos a um progresso com altos e baixos ao longo do ano e uma possível posição final perto do top10”.

FRED-MORALES

Mas nem todos levaram críticas tão positivas. Nick apontou para possíveis quedas ou estagnações de surfistas como Jeremy Flores, Jadson André, Ian Gouveia, Joan Duru, Miguel Pupo, Ethan Ewing e muitos outros!

É o resto do mundo a aperceber-se do que já se sabia há muito tempo em Portugal, Frederico Morais tem surf para estar entre os melhores!

Comentários