Padrasto de Gabriel Medina punido pela WSL

publicado há 1 mês por 0

PADRASTO-DE-MEDINA-PUNIDA-PELA-WSL

Charles Saldanha, também conhecido no meio do surf como “Charles Medina” é um dos grandes responsáveis pelo sucesso do fenómeno brasileiro. Assumindo o papel de padrasto e treinador, Gabriel verbalizou por diversas vezes que “Charlie” é como se fosse seu pai e a dupla marca presença em praticamente todas as provas do Championship Tour.No entanto, durante os próximos meses, Charles não será visto nas zonas de prova da WSL…

Como é quase típico, quando se mistura o papel de pai e treinador, Saldanha já foi visto por diversas vezes a “ferver em pouca água”, por achar que o seu “filho” foi injustiçado pelos juizes. E durante o MEO Rip Curl Pro de 2016 surgiu o boato de que Saldanha tinha exagerado nas suas reclamações da derrota de Gabriel, mas havia pouca informação do que realmente tinha acontecido.

De facto, a etapa teve alguns resultados surpreendentes, de onde se destaca a injusta eliminação de Jadson André. Já Gabe, que estava na disputa pelo título, perdeu “limpinho” para um inspirado Jeremy Flores mas Charles não concordou e foi reclamar. Segundo o que a ONFIRE apurou, Charles exagerou no modo como apresentou o seu protesto e, segundo vários sites de surf brasileiros, foi mesmo punido pela WSL.

Depois do evento de Portugal o seu caso começou a ser estudado pela WSL, que apresentou como “castigo” a suspensão do acesso ao palanque das etapas da WSL até Abril. O treinador de Medina já veio entretanto pedir desculpa aos envolvidos pelas suas acções e é possível que daqui para a frente não volte a repetir os mesmos erros.

É de lembrar que também Gabriel já foi punido, com uma multa pelas suas acções durante o Quiksilver Pro Gold Coast de 2015

Comentários