O top16 sempre foi um número referência no surf competitivo a nível mundial. Esse é o número que assinala a elite de um circuito, os cabeças de série, e estes são os “tops” do surf português.

9º lugar – Tomás Fernandes
Mesmo faltando a uma etapa e sem fazer qualquer final Tomás Fernandes acabou no top10 com facilidade. Correr o QS dá sempre algum desgaste mas para o surfista da Ericeira tem ajudado a manter um nível elevado de competitividade, agora que a sua carreira júnior terminou. Três 5ºs lugares em três etapas colocaram-no ao alcance do top5 mas precisava de limpar o 17º lugar da Praia Grande, algo que não fez por ter apostado em competir numa etapa qualifying na Costa Rica, onde obteve um sólido 13º lugar.

9tomas

 

10º lugar – Guilherme Fonseca
O ano de 2016 foi bom para Guilherme Fonseca. Apesar de ter perdido o seu patrocínio de longa data, deu um grande salto a nível competitivo entrando pela primeira no top16 da Liga directamente para a 10º posição. Apesar de ter feito alguns heats bons em etapas do QS não foi aí nem na Liga MOCHE que realmente mostrou o que valia mas sim no ISA World Games na Costa Rica, onde ficou a uma bateria da final que o poderia ter sagrado campeão mundial. Se mantiver o foco continuará a subir.

10fonseca

 

11º lugar – Eduardo Fernandes
Depois de alguns anos um pouco apagado, Eduardo voltou em força no final do ano passado e o 11º lugar que ocupa não faz justiça ao surf que tem apresentado. O 3º lugar na Caparica foi o seu melhor resultado mas faltou consistência em algumas etapas para acabar mais perto do topo. Mas, tal como Fonseca, foi no ISA World Game que fez o seu melhor surf, provando aí que ainda tem muito para dar.

11eduardo

 

12º lugar – Francisco Alves
Francisco Alves teve um ano fraco e faltou a uma etapa para acompanhar o nascimento do seu primeiro filho. No entanto, na última etapa, mostrou que está longe de ser uma carta fora do baralho. Em condições difíceis no Guincho mostrou estar em grande forma e ninguém teria ficado surpreendido se tivesse vencido a etapa. Alves acabou eliminado nas meias finais mas ficou patente que se estiver focado e com o equipamento certo o ano todo pode disputar um lugar bem perto do topo do ranking.

12francisco

Fica a conhecer o resto dos top16 brevemente em www.onfire.surf!

Comentários

Os comentários estão fechados.