Os favoritos à vitória do Renault Porto Pro | Liga MEO Surf 2017

publicado há 2 semanas por 0

OS-FAVORITOS-A-VITORIA-NO-RENAULT-PORTO-PRO

A etapa do Porto é uma das mais tradicionais da Liga MOCHE e a vitória nesta prova regularmente se transforma numa disputa pelo título.

Entre 2008 e 2016 só uma etapa não foi vencida por um surfista que conta com um ou mais títulos nacionais (Nicolau Von Rupp, em 2011), será que em 2017 o historial muda? Com a ausência do líder do ranking, Tiago Pires, um novo nome passará a ocupar a pole position do circuito, e é provável que seja um dos 4 principais candidatos.

Os 4 principais favoritos (por ordem):

Apesar de não estar a ter um ano à altura do seu talento, Vasco Ribeiro é o grande favorito à vitória desta etapa. Porquê? Porque os resultados que tem tido não fazem justiça ao seu surf e a qualquer momento a “estrelinha” pode voltar e as vitórias também. Além disso o seu historial no Porto fala por si. Tirando um resultado atípico em 2016, Vasco tem um incrível recorde de finais nesta etapa e duas vitórias. Tudo vai depender do foco que apresentar nesta prova mas se estiver com a cabeça no sítio certo vai ser muito difícil de bater.

Pedro Henrique reparte o favoritismo para a vitória do Renault Porto Pro com Ribeiro. Foi no Norte que “Pedrinho” fez a sua estreia no circuito e mostrou potencial de vencer logo aí, mas só em 2016 conseguiu a primeira vitória. O tipo de ondas que normalmente se encontram nesta etapa favorecem o seu surf, o que poderá ser fatal para os seus adversários. Como Vasco, os resultados recentes não estão a fazer justiça ao seu potencial mas tudo pode mudar em apenas campeonato, que pode ser este!

Gony Zubizarreta tem estado “on a roll” no QS e se trouxer o mesmo ritmo ninguém o para. Antes de morar na Ericeira, o Galego passava muitas vezes a fronteira para surfar no Porto e é provável que este seja mais um sítio onde se sente em casa. O surf que apresenta não é nada de novo em relação ao potencial que mostrou desde muito novo, mas o seu “jogo competitivo” está cada vez mais no ponto. Tanto que não seria descabido dizer que Zubizarreta este ano mostra forte potencial de entrar na disputa por uma vaga no Championship Tour e uma vitória neste competitivo  circuito seguramente contribuíra para que se sinta ainda mais confiante.

Zé Ferreira bateu na trave na final da primeira etapa e no Porto tem potencial de finalmente se estrear tanto nas vitórias como na liderança do ranking. O surfista do Guincho tem estado afastado das competições internacionais mas seguramente olha para a Liga MEO Surf como uma maneira de mostrar que tem muito para dar. Se estiver focado e não encontrar nenhum percalço, Zé poderá levar esta etapa.

Dark Horse
João Guedes não vence na Liga há muitos anos e não é no tipo de ondas que se encontram nesta etapa que hoje em dia “brilha”. Mas é possível que o melhor surfista de sempre do Porto ainda tenha dentro dele surf para vencer e com o apoio que terá do publico local poderá ganhar inspiração para ir “all the way”.

Outros nomes a ter em conta são Marlon Lipke, Miguel Blanco, Tomás Fernandes, Eduardo Fernandes, Nicolau Von Rupp, Francisco Alves e Filipe Jervis, todos com potencial de surpreender qualquer um dos favoritos. Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI a partir de dia 12 de Maio!

Comentários