O novo top16 da Liga MOCHE

publicado há 2 anos por 0

TOP16-LIGA-MOCHE

Terminou este fim de semana o mais importante circuito de surf no nosso país, a Liga MOCHE. Foi no último dia da última prova, o Montepio Cascais Pro, que ficou decidido quem seria o novo campeão nacional, um triunfo conseguido por Frederico Morais pela segunda vez na sua carreira!

Além disso, com as últimas baterias a chegarem ao fim, também ficou conhecido o top16 nacional. As grandes novidades foram o regresso de três surfistas aos 16 e uma nova entrada. Pedro Coelho foi o único “novato” neste top enquanto que João Kopke, Filipe Jervis e Tiago Pires estão de volta a posições onde já estiveram várias vezes no passado. Este último, o nosso veterano do CT, conseguiu uma vaga entre os melhores 10 surfistas do país pela primeira vez com os seus 16/17 anos. Mas nos últimos anos que foi membro da elite do surf mundial, a WSL proibiu a presença de tops do CT em outros circuito e Tiago não competiu no circuito português. O seu regresso foi como se esperava e quase quebrou o domínio de Vasco Ribeiro e Frederico Morais, dois surfistas que dominaram os últimos 5 anos neste circuito.

João Kopke em 2014 ficou de fora do top16 por apenas um lugar e este ano subiu uma posição, passando para 16º, uma posição que poderia ter sido ainda melhor caso não tivesse faltado a uma etapa. Já Filipe Jervis foi uma das revelações do ano pois, apesar de ser reconhecido com um dos melhores surfistas do nosso país, em 2014 não conseguiu mostrar o seu melhor surf em competição. Este ano voltou ao ritmo que já o levou ao 2º lugar no ranking Pro Junior, e chegou a estar na segunda posição no ranking. Apesar de ter faltado a uma etapa acabou num sólido 6º lugar.

Fora do top ficaram Gony Zubizarreta, que só competiu em 2 etapas, Luca Guichard, que ficou de fora por um lugar e ainda Joackim Guichard e Justin Mujica, que também faltaram a várias etapas.

Os novos top16 da Liga MOCHE de 2015
1º – Frederico Morais
2º – Tiago Pires
3º – Vasco Ribeiro
4º – Nicolau Von Rupp
5º – Zé Ferreira
6º – Marlon Lipke
6º – Filipe Jervis
8º – Eduardo Fernandes
9º – Tomás Fernandes
10º – Miguel Blanco
11º – Francisco Alves
12º – Ruben Gonzalez
13º – Pedro Henrique
14º – João Guedes
15º – Pedro Coelho
16º – João Kopke

Comentários