Quando John John Florence se magoou em pleno heat do Oi Rio Pro, a lesão não parecia grave para quem via de fora mas a cara do 2x campeão mundial contava outro cenário. O havaiano deixou o finalista da prova de 2018, Wade Carmichael, a precisar de uma nota alta para virar o resultado, algo que não aconteceu e garantiu a Florence uma vaga nos quartos de final.

Havia alguma esperança que o líder do ranking recuperasse a tempo da bateria que se realizava no dia seguinte, mas o que realmente aconteceu foi que Jordy Smith, que seria o seu adversário nos quartos de final, passou directamente para as meias finais sem entrar na água. John entretanto surgiu tanto na primeira como na segunda grelha de heats lançada pela WSL para a prova de Jeffreys Bay e ainda continua lá mas já comunicou que não estará presente.

Foi via instagram que John John fez a seguinte comunicação: “Este foi um ano muito divertido tanto em competição como fora dela. Infelizmente, no Brasil, eu rompi o LCA (ligamento cruzado anterior). Não vou competir em J-Bay e provavelmente o resto da temporada do CT. Optei por fazer uma cirurgia para que possa estar 100% no próximo ano. Estou animado para esta nova aventura e tudo o que vou aprender ao longo do caminho. Obrigado por todo o apoio!

Este post terá grandes implicações no tour deste ano pois deixa a disputa pelo título em aberto. Florence liderava o circuito à chegada ao Brasil e, apesar da sua vantagem ter “emagrecido”, seguiu para a África do Sul com a lycra amarela, algo que perderá muito rapidamente devido à sua ausência. Isso significa que Kolohe Andino, Filipe Toledo, Jordy Smith e Kanoa Igarashi vão disputar a liderança no Corona Open J-Bay.

Também “a vida” dos alternates será muito influenciada pois, com as lesões de Leonardo Fioravanti, Mikey Wright e John John, Caio Ibelli, Frederico Morais e até Ethan Ewing poderão ter mais algumas vagas e, no caso de Ibelli e, quem sabe, Morais, uma qualificação para o tour de 2020 pelo CT poderá tornar-se uma realidade.

Mais notícias em breve AQUI!

Comentários