Os acontecimentos do último par de meses serão falados durante décadas, a “libertação” do team Hurley.

Era muito especulado na indústria do surf a potencial falta de sustentabilidade financeira da marca Hurley, uma empresa criada por Bob Hurley em 1998 e vendida à Nike poucos anos depois. Entretanto, quando a Nike construiu uma das melhores equipas de surf da história do surf profissional e de seguida saiu deste desporto, a Hurley herdou todos esses patrocinados. De imediato se pensou que muitos começariam a “cair” nos anos que se seguiram mas não foi o caso, a Nike/Hurley aguentou a grande maioria dos seus patrocinados até ao momento que vendeu a marca à Bluestar Alliance, em outubro de 2019.

A partir daí é que realmente começou a maior vaga de despedimentos da história do surf profissional, algo que não se limitou aos atletas. Bob Hurley e os seus filhos saíram dos quadros da empresa e logo de seguida dezenas de funcionários foram despedidos. Na primeira vaga saíram surfistas como Rob Machado, Eli Hanneman, Barron Mamiya, Rizal Tanjung, Coco Nogales, Michel Bourez, Jake Marshall e Carissa Moore. Nas semanas que se seguiram foi a vez de Adrian Buchan, Sam Piter e Yadin Nicol, entre outros menos conhecidos.

Especulava-se também que John John Florence, Julian Wilson e Filipe Toledo estavam seguros na marca mas apenas um deles, Toledo, parece estar numa boa posição. Aparentemente, segundo a revista STAB, todos os patrocinados da Hurley que ainda estavam sob contrato receberam propostas para os terminar mais cedo por valores muito abaixo do que seria devido. Diz-se que Wilson está em negociações com a Oakley mas John John oficializou a sua saída com uma surfada em Pipeline sem autocolante na prancha.

Ainda não se sabe o “status” de surfistas como o nosso Nicolau Von Rupp e outros, mas, segundo insiders da indústria próximos da ONFIRE, este tipo de cortes ou reduções drásticas nos ordenados dos melhores surfistas do mundo vão acontecer em muitas outras grandes marcas. A Stab considerou este momento como um “reset” na indústria, o fim de uma era…

Mais novidades em breve…

Comentários