Frederico Morais recebe wildcard para MOCHE Rip Curl Pro Portugal

publicado há 1 ano por 0

FREDERICO-MORAIS-RECEBE-WILDCARD-PARA-MOCHE-RIP-CURL-PRO-PORTUGAL-2015

O MOCHE Rip Curl Pro Portugal, realizado em Peniche/Cascais, está a dias de começar e as novidades finais começam a aparecer. O primeiro wildcard para este evento foi decidido durante o Allianz Billabong Pro Cascais, já que o team rider MOCHE mais bem classificado no ranking QS seria o “dono” do wildcard deste patrocinador no evento.

Frederico esteve muito perto de garantir essa vaga pois “apenas” tinha de bater Vasco Ribeiro nos 1/8s de final desse evento para se qualificar e liderou quase o heat todo. Mas na última troca de ondas, Ribeiro fez uma das melhores ondas de todo o campeonato e garantiu a qualificação e o seu primeiro wildcard numa etapa do Championship Tour.

Depois foi atribuído outro wildcard, neste caso via WSL, a Tiago Pires devido ao seu grande historial no tour (e nível de surf actual). Seguiu-se Mason Ho, o tube rider havaiano que recentemente foi contratado pela Rip Curl e que terá em Portugal a sua segunda presença numa etapa do CT este ano.

Mas, a ausência de alguns surfistas nesta etapa, Jordy Smith, Alejo Muniz e Matt Banting por lesão, Fred Patacchia por se ter reformado e (eventualmente) Kelly Slater por estar fora da disputa pelo título, abriu mais vagas no evento. Frederico Morais estava em vias de arrancar para o Brasil para competir em duas etapas QS 6.000, mas mudou os seus planos pois foi convidado para participar no mais importante campeonato de surf realizado nas nossas águas, MOCHE Rip Curl Pro Portugal.

Será a sua segunda presença no evento e em 2013, a sua primeira vez, teve sucesso. “Kikas” bateu Kelly Slater no round 2, tornando-se no primeiro surfista português a passar um heat na história dos eventos CT em Peniche! Esperam-se grandes prestações da parte de todos estes wildcards em Peniche/Cascais, acompanha tudo em directo AQUI!

Comentários