7 surfistas disputam o título da Liga MOCHE na última etapa do circuito…

publicado há 10 meses por 0

os-candidatos-ao-titulo-da-liga-moche-de-2016

A apenas uma etapa do fim da Liga MOCHE muito pode mudar mas a disputa pelo título nacional ainda tem 7 candidatos!

Os cenários são muitos e alguns destes surfistas têm hipóteses meramente matemáticas, ficando a depender de resultados de terceiros mesmo se vencerem a última etapa. A ONFIRE fez as contas NÃO OFICIAIS desta disputa e partilha contigo alguns dos possíveis cenários.

Três surfistas estão na “primeira linha” desta disputa, são eles Frederico Morais, Pedro Henrique e Vasco Ribeiro.

Os cenários para Frederico Morais:

Frederico encontra-se numa enganadora 5º posição do ranking, apenas porque tem menos uma etapa que os seus adversários. Kikas só precisa de ficar em 2º lugar para ser campeão mesmo que qualquer um dos seus adversários vença a etapa.

Os cenários para Pedro Henrique:
Seis surfistas podem alcançá-lo no ranking a partir da qualificação para os quartos de final man-on-man deita fora o seu pior resultado e começa a deixar baixar o número de candidatos.
Com um 5º lugar obriga Marlon Lipke a vencer a etapa se o quiser passar e Filipe Jervis fica fora da disputa.
Com um 3º lugar deixa Lipke, Jervis e Tiago Pires fora da disputa.

Os cenários para Vasco Ribeiro:

Uma vitória garante o tetra ao surfista de S. João do Estoril, excepto se Frederico Morais também for finalista. Um segundo lugar ainda o deixa dependente dos resultados de Henrique e Morais mas todos os outros ficam fora da disputa.

Numa segunda linha estão Zé Ferreira e Tiago Pires que, se fizerem finais, podem acabar na frente, mas estão dependente dos resultados dos três principais candidatos ao título.

De seguida encontram-se Marlon Lipke e Filipe Jervis que chegam à ultima etapa em “contention” mas não só precisam de vencer como não podem deixar que os seus adversários pontuem muito neste campeonato, algo que é matematicamente possível mas virtualmente improvável!

Fora destas contas está Gony Zubizarreta que tem fortíssimas possibilidades de subir ao primeiro posto do ranking mas que, por não ter nacionalidade portuguesa, não poderá ser campeão do circuito!

O Cascais Pro será a última e decisora etapa e realizase entre 6 e 8 de Outubro.

Comentários