Wilkinson abre a porta a Medina e Florence no JBay Open

publicado há 11 meses por 0

MATT-WILKINSON-ELIMINADO-NO-JBAY-OPEN-2016

Com ondas muito rápidas de um metro (nos sets) o JBay Open arrancou para um dia cheio de grandes momentos e algum drama.

As ondas estavam “bonitas” mas difíceis de surfar, especialmente para os goofies. Matt Wilkinson estava no segundo heat do dia e tinha um adversário de peso em Alejo Muniz. O surf do brasileiro, com muitas manobras a projectar para a frente, estava claramente mais enquadrado neste dia de competição, mas Matt não baixou os braços. Com uma onda sólida a contar Wilko teve uma oportunidade de ouro nos minutos finais virar o heat mas arriscou muito na segunda manobra e caiu, o que lhe garantiu uma derrota prematura.

Na bateria seguinte Gabriel Medina mostrou que é talvez o surfista mais completo do tour e seguramente o melhor competidor. “Gabe” esteve a liderar a bateria toda mas no fim Adam Melling apanhou a melhor onda do heat e com facilidade transformou-a numa nota de 9.17. Medina apanhou a seguinte que não parecia ter potencial para lhe dar muito mais do que 5 pontos e o seu requisito seria bastante mais alto. Mas, com um aéreo incrível a terminar a onda garantiu a nota de 8.17 e venceu o heat.

Outros grandes destaques do round 3 foram Mick Fanning e Filipe Toledo, que despacharam Kanoa Igarashi e Miguel Pupo, e ainda Julian Wilson, que foi muito superior a Joel Parkinson.

Na fase seguinte surgiram mais alguns favoritos ao título desta etapa. John John Florence e Jordy Smith estavam no mesmo heat e surfaram acima da média mas só um podia passar directamente para os quartos de final e foi o havaiano. Também Kelly Slater, no heat seguinte, mostrou estar “irado”, apesar de Michel Bourez ter sido um pouco “underscored” numa das suas ondas.

Julian Wilson depois bateu a dupla brasileira, Medina e Toledo, e Fanning parece estar on a mission a caminho de uma vitória que no ano passado foi roubada por um ataque de tubarão, com mais uma vitória estrondosa.

No round 5 a única surpresa foi a qualificação de Josh Kerr, para os quartos de final, sobre Bourez. Jordy Smith despachou Alejo Muniz, Gabriel Medina eliminou o campeão mundial em título, e Filipe Toledo bateu Wiggolly Dantas!

O facto de Gabriel e John John terem chegado aos quartos de final e mostrarem potencial de possivelmente vencerem deixa Matt Wilkinson numa posição delicada e poderá acabar a prova com uma liderança muito magra e alguns pesadelos sobre um snap que falhou…

Acompanha o próximo dia de prova em directo AQUI!

tags:

Comentários