Afinal apenas 2 surfistas portugueses se deslocaram até às águas de Fistral Beach para disputar os 1.000 pontos do Quiksilver Open. Ambos encontravam-se no round 2 nas suas categorias e tiveram sucesso.

Primeiro na água esteve Yolanda Hopkins, que tinha como adversárias duas surfistas locais, Peony Knight e Lily Mandeville e a actual 54ª do ranking QS, Rachel Presti, dos EUA. Com ondas de 7.50 e 5.63 Hopkins dominou o heat, deixando Presti em segundo lugar a precisar de uma nota alta. Também em destaque nesta fase esteve a francesa Justine Dupont, que surfou com uma prancha portuguesa, da marca Polen, e fez a melhor média da prova feminina.

Na prova masculina Pedro Coelho também teve uma estreia sólida contra Roberto Araki, Patrick Langdon-Dark e Caina Souza. Foi um heat com muitas ondas surfadas mas no fim, com notas de 6.27 e 7.57, Pedro venceu a bateria, deixando o chileno, Araki, em segundo lugar. Entre os homens o grande destaque foi o italiano Angelo Bonomelli, que venceu um heat bastante difícil com a melhor média desta segunda fase.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

Heats com portugueses
Round 3
Heat 5 | Angelo Bonomelli x Pedro Coelho x Samson Coulter x Joss Ash

Prova feminina
Round 2
Heat 3Yolanda Hopkins Lara Damelian x Lucia Indurain x Ellie Turner

Comentários