Depois de um ano onde, apesar de ter tido alguns bons resultados, passou grande parte da temporada a “bater na trave”, Vasco Ribeiro parece estar de volta. As ondas mais uma vez estiveram pequenas criando dificuldades entre os surfistas mais pesados. Mesmo assim havia boas ondas para quem sabia esperar e estar no sítio certo.

Que o diga Vasco Ribeiro, que passou a maior parte do seu heat em quarto lugar, mas quando apanhou uma onda boa passou para primeiro lugar, de onde não saiu mais. Foi a cinco minutos do fim de o português apanhou a onda vencedora, onde conseguiu 7.33. Com a nota de 4 pontos que já tinha e que usou como back up, Vasco conseguiu deixar Hiroto Ohhara, Connor O’Leary e o top do WCT Mitch Crews a lutar pelo segundo lugar.

Com a vitória Ribeiro passou para o round de 24 onde irá defrontar Patrick Gudauskas e Santiago Muniz no heat 7. É, sem dúvida, um grande começo de ano para o surfista da Praia da Poça que segue sozinho em no Hurley Australian Open of Surfing desde o segundo round.

Outros destaques neste dia foram para a eliminação do grande favorito à vitória, Filipe Toledo. “Filipinho” parecia estar em grande forma e acertou alguns voos “irados”. No entanto o seu conterrâneo Tomas Hermes mostrou uma escolha de ondas impacavel e liderou o heat desde o início. Depois foi a vez de Michael Dunphy apanhar uma das melhores ondas do dia, uma esquerda em que deu várias batidas fortes de backside e assim passou para o segundo lugar. Toledo fez tudo o que podia para virar o heat mas a única coisa que conseguiu foi desenvolver uma nova rivalidade com o havaiano Mason Ho, depois de aterrar um aéreo quase em cima dele e de terem trocado algumas palavras que imaginamos que não tenham sido muito “amigaveis”.

O Indonésio residente na Austrália Oney Anwar foi outro dos destaques deste dia, mas pela positiva, vencendo mais um heat e provando que poderá ser o primeiro surfista do seu país a ter hipoteses de entrar no WCT.

Vasco Ribeiro deve voltar a competir dentro de horas, acompanha tudo em directo AQUI!

Comentários

Os comentários estão fechados.