O Gotcha Ichinomiya Chiba Open, prova QS 6.000 realizada em Chiba, Japão, continuou a progredir mas, infelizmente, foi neste dia que perdeu o último surfista português ainda em prova.

Vasco Ribeiro começou o dia com uma vitória, no oitava bateria do round 4. Com notas de 6.5 e 6.3 nas suas duas últimas ondas o luso virou o heat a seu favor, superando o ex-top do CT, Stu Kennedy, e a promessa norte-americana, Jake Marshall, que tinham começado melhor a bateria.

O destaque nesta fase foi o grom brasileiro Mateus Herdy que, com duas ondas muito boas, bateu Ryan Callinan e eliminou Ian Crane, dois surfistas em grande forma nesta prova.

Seguiram-se os oitavos de final man-on-man, uma fase em que o nível de surf foi muito alto, com notas excelentes a serem feitas em quase todos os heats. Os brasileiros Jadson André e Marco Fernandez surfaram acima da média e venceram os seus heats com pontuações de 17 e 17.10 respectivamente.

Vasco Ribeiro estava no último heat da fase contra o ex-top do Championship Tour, Alex Ribeiro, numa bateria que prometia ter muita acção. Os “Ribeiros” não desiludiram, trocando várias ondas boas entre eles. Vasco tinha a contar ondas de 7 e 6.6 mas na última onda Alex fez 7.83 e virou o resultado a seu favor. Apesar de ser eliminado o surfista da Linha do Estoril garantiu o seu primeiro resultado do ano acima dos 1.000 pontos. Com este resultado Vasco deverá subir cerca de 200 lugares no ranking QS, entrando no top100, algo que lhe permitirá construir o seu ano a partir desta etapa e tentar entrar no Championship Tour de 2019.

 

Comentários