As ondas deterioraram-se bastante entre o fim do round 4 e os primeiros heats do round 5, o que prejudicou muito as condições. O vento danificou muito a formação das ondas mas os melhores surfistas do planeta continuaram a mostrar grande forma.

Esta fase, os oitavos de final man-on-man, foi dura para os tops do Championship Tour pois apesar de Wade Carmichael e Griffin Colapinto terem avançado, outros, como Jesse Mendes, Jeremy Flores e Yago Dora foram eliminados. Em destaque estiveram surfistas progressivos, como Krystian Kymerson, Seth Moniz e Peterson Crisanto, que abusaram dos aéreos para vencer as suas baterias.

Vasco Ribeiro, que desde o round 2 seguia isolado entre os surfistas portugueses, tinha como adversário o brasileiro Thiago Camarão, um veterano do circuito QS que teve em Portugal em 2017 um dos seus melhores resultados dos últimos anos, uma final, depois de ter eliminado o favorito, Frederico Morais, nas meias finais.

Vasco Ribeiro era o grande favorito neste heat e foi quem apanhou a primeira onda com potencial, a 17 minutos de fim da bateria. Com algumas rasgadas e floaters o luso conseguiu a nota de 4.33, aumentando a sua liderança e deixando Camarão a precisar de umas nota de 5.36. O brasileiro, por sua vez, respondeu com um combo de snap e reentry, baixando o requisito para 2.94.

Vasco voltou a atacar com uma onda em que fez um forte snap e um reentry mas caiu na manobra seguinte enquanto que Thiago vinha na onda seguinte e conseguiu encaixar algumas manobras, passando para a frente e deixando Ribeiro a precisar de 5.01 pontos, mas com a prioridade. Na onda seguinte Vasco respondeu com dois carves fortes, apesar do segundo ter sido ligeiramente descontrolado, e uma pequena subida na espuma para receber 5.77. Infelizmente atrás “shrimpy”, que fez uma nota de 7.67, deixando o nosso surfista a precisar de uma nota de 8.23 a 6 minutos do fim. Camarão ainda melhorou a sua posição, deixando Ribeiro a precisar de 8.8 e mesmo tendo surfado bem na sua última onda seria pouco, e tarde.

Mesmo com a derrota Vasco arrecadou 3.700 pontos, o que lhe permitirá subir muito no ranking e chegar à próxima etapa com um keeper para a caminho do Championship Tour de 2019!

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

Heats dos quartos de final
Heat 1 | Wade Carmichael x Griffin Colapinto
Heat 2 | Ricardo Christie x Jack Freestone
Heat 3 | Krystian Kymerson x Seth Moniz
Heat 4 |Peterson Crisanto x Thiago Camarão

Comentários