Alguns dias depois do round 2 terminar no Vans World Cup of Surfing, a prova finalmente voltou com o round 3. Esta prova QS 10.000, realizada em Sunset Beach, decidia a carreira de muitos competidores e quando o heat de Vasco Ribeiro começou já muita coisa tinha mudado no ranking.

Surfistas que estavam no limite da qualificação como Ethan Ewing, Jorgann Couzinet e Mateus Herdy, 10º, 11º e 12º do ranking, perderam cedo na prova e as suas vagas começavam “escorregar”. Outros lutavam pelas suas vagas com “unhas e dentes” e tanto Jadson André (9º do ranking) como Soli Bailey (16º do ranking) escaparam à eliminação no round 3 por muito pouco com as suas últimas ondas.

Vasco Ribeiro chegou a esta prova com hipóteses de se qualificar para o Championship Tour mas precisava de um resultado excelente. Neste round 3 tinha como adversários Yago Dora, Tomas Hermes e Tanner Gudauskas no 10º heat da fase. O português foi o primeiro a apanhar uma onda, mas só lhe permitiu um forte carve e nada mais mas, pouco depois, surfou novamente e aí já conseguiu encaixar, além de um carve, um reentry poderoso para receber uma nota de 8.17 pontos e começar na frente.

Ribeiro foi fortalecendo a sua liderança, primeiro com um back up de 4 pontos, depois com uma nota de 4.83 e esteve na frente até Gudauskas fazer uma onda muito forte para passar a primeiro lugar. A menos de cinco minutos do fim Yago Dora precisava de uma nota de 6.68 pontos e Tomas Hermes de 9.43 para segundo lugar. Mais algumas ondas foram surfadas mas não mudaram e situação e o ex-campeão mundial júnior seguiu para a fase seguinte, mantendo o sonho de se qualificar para o Championship Tour de 2019.

Acompanha tudo em directo AQUI!

Notícia em actualização…

Comentários