Muito estava em jogo no dia 4 do ISA World Surfing Games de 2019, nomeadamente títulos mundiais femininos e, mais importante, vagas nos jogos olímpicos!

Faltavam poucas baterias para terminar a prova masculina e a grande surpresa foi a qualificação para a final da campeã mundial da WSL em 2004, Sofia Mulanovich. A peruana estava na final do evento principal, bateria que venceu, deixando Silvana Lima em segundo e empurrando Tatiana Weston-Webb e Bianca Buitendag para a final da repescagem. Dessa final, que juntava as duas derrotadas e ainda Carissa Moore e Sally Fitzgibbons, avançaram Carissa e Bianca, para fazer a finalíssima contra Sofia e Silvana. E contra todas as probabilidades, Sofia Mulanovich venceu o título, seguida, novamente, de Silvana Lima, com Bianca Buitendag em 3º e Carissa Moore em 4º. Já as vagas foram distribuídas por regiões, Bianca Buitendag, África do Sul, ficou com a representação africana, Sally Fitzgibbons (6ª classificada) com a da Oceania, Anat Leilor (9ª classificada) com a da Europa e Shino Matsuda com a Asiática.

Entretanto a prova masculina arrancou neste dia e os portugueses começaram bem. Vasco Ribeiro destruiu uma onda para receber 8.5 pontos e vencer com a melhor média da fase enquanto que Frederico Morais também fez uma média muito alta mas teve que passar em segundo lugar 0.4 pontos atrás do Indonésio Ketut Agus Aditya. A prova não chegou à bateria de Miguel Blanco, que era a 31ª da fase e foi adiada para o dia seguinte.

A disputa entre equipas é neste momento liderada pelo Brasil, seguido do Peru, EUA e Austrália, com Portugal em 11º lugar.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

 

Comentários