O segundo dia do período de espera do Anfaplace Pro Casablanca foi o primeiro dia de acção e contou com ondas de cerca de metro e meio. O campeonato começou com uma fase onde estavam praticamente apenas locais e competidores que se inscreveram tardiamente. Entre eles estava Noe Mar McGonagle que simplesmente limpou o seu heat, tal como os aussies Jacob Willcox e Dean Bowen.

Na fase seguinte Noe Mar continuou a ser destaque e logo no primeiro heat juntamente com Jorgann Couzinet despachou dois portugueses, Pedro Coelho e “Neco” Pyrrait. Nos heats seguintes a “razia” continuou. Francisco Carrasco foi eliminado no heat 5 a precisar de uma nota de 7.11, Miguel Blanco no heat 8 a precisar de 5.54 e Frederico Magalhães no heat 9 a precisar de 8.76.

Mas nem todos os lusos seriam eliminados neste dia pois Tomás Fernandes provou estar em grande forma. O surfista da Ericeira abriu a sua prestação em Marrocos com uma nota de 7.93 e pouco depois juntou-lhe um 9.4, para dominar a sua bateria com uma das melhores médias da prova. O campeonato acabou por parar poucos heats depois, deixando Luís Perloiro a aguardar pelo dia seguinte para se estrear, juntamente com todas as competidoras femininas.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

Heats com surfistas portugueses
Round 2
Heat 13 | Thiago Camarão x Luis Perloiro x Ruben Vitória x Jacob Willcox
Round 3
Heat 10 | Luel Felipe x Tomás Fernandes x Dimitri Ouvre x Gatien Delahaye

Categoria Feminina
Round de 32
Heat 3 | Gazari Shanchez x Leticia Bilbao x Yolander Hopskins x Fatimazahra Berrada
Heat 6 | Ella Williams x Nagisa Tashiro x Julia Tamargo x Leonor Fragoso
Heat 7 | Mikaela Greene x Eliza Greene x Marina Assis x Nina Reynal
Heat 8 | Carol Henrique x Peoni Knight x Nels Lartigue x Izzi Gomes

Comentários

Deixe uma resposta