Tomás Fernandes avança até round 6 em Boomerang Beach

publicado há 2 semanas por 0

Komunity Project Great Lakes Pro Day 4 Fernandes

De etapa para etapa, Tomás Fernandes está entrar no ritmo. Esta noite, o português avançou mais um heat e ainda competiu novamente no round 6 (quartos-de-final de quatro).

Tomás Fernandes mantinha-se como a última esperança nacional para vingar um início de temporada que tem sido dura para os portugueses presentes em águas australianas. Na noite passada, Fernandes partia da mesma posição onde foi eliminado na etapa anterior.

Pela frente, e logo no primeiro heat do round 5, o surfista da Ericeira defrontava Cole Houshmand, Riley Laing e Thomas Cervi. O português manteve o surf power e preciso durante todo o heat, e com um para de notas médias, um 5.25 e um 6.20, garantiu o segundo lugar e uma posição no round 6, o seu melhor resultado até agora neste arranque de época competitiva. Para trás ficavam Cervi e Houshmand.

Umas boas horas mais tarde e Tomás Fernandes voltava a vestir a lycra de competição para, desta vez no segundo heat da fase 6, defrontar Keanu Asing, Hiroto Ohhara e Nolan Rapoza. Os dois primeiros nomes são mais do que conhecidos ao público geral: Asing por ter pertencido à elite do surf mundial até ao ano passado (e por ser um exemplo de esforço, dedicação e pela sua atitude never give up), e Ohhara por ser um dos mais cotados surfista do QS. E não se esperaria menos nesta fase da competição!

Infelizmente, este acabou por não ser um heat fácil para o português, não por falta de surf, mas por não ter conseguido encontrar as melhores ondas que lhe permitissem mostrar todo o seu surf. Fernandes não conseguiu mais do que um 5.00 e um 4.95 acabando a sua prestação em quarto lugar. Asing e Ohhara avançavam para o round seguinte.

A armada portuguesa presente nesta etapa irá agora continuar para sul onde se irá encontrar com o restante reforço nacional, uma vez que teremos a primeira grande prova de alto valor em águas australianas em 2017, o Maitland and Port Stephens Toyota Pro, QS6000, que começará dia 20 deste mês.

Com acesso directo a esta etapa estão já os portugueses Frederico Morais, Vasco Ribeiro, Tomás Fernandes, Miguel Blanco e Pedro Henrique. Jácome Correia e Luís Perloiro têm os seus nomes nos trials, o que os poderá colocar no main event. Esta será a primeira etapa onde teremos praticamente todos os grandes nomes do surf nacional presentes, logo a armada portuguesa não poderia estar mais sólida!

#goportugal

 

Comentários