“Suspeitos do costume” avançam sem dificuldades no Allianz Sintra Pro | Dia 1

publicado há 2 anos por 0

ALLIANZ-SINTRA-PRO-DIA-1

As ondas rondavam um metro, com alguns sets maiores a quebrar no outside, no primeiro dia do Allianz Sintra Pro. O regresso à Praia Grande, pela primeira vez desde 2011, coincidiu com um dia muito típico naquela praia, com ondas e condições climatéricas a mudarem bastante. Dependendo da maré as ondas quebravam bem no outside, ligando à secção do inside, ou apenas no inside, sendo que poucos apostaram em surfar lá fora.

Um dos que arriscou foi Marlon Lipke que arriscou e foi recompensado. Na sua primeira onda, no pico do outside, Lipke deu um grande snap e mais algumas manobras fortes, arrancando a nota de 8.5 e acabando com apenas duas ondas, mas uma vitória folgada.

Do outro lado da grelha estava Frederico Morais que vingou os resultados que teimam em não aparecer este ano no QS com a única nota melhor que a de Marlon, 9 pontos, e um surf sólido, progressivo e no rail. Outros como Tiago Pires, Ruben Gonzalez, Nicolau Von Rupp e Tomás Fernandes venceram bem destacados enquanto que a surpresa da nova geração foi João Vidal, de 12 anos, que passou em segundo lugar o seu heat atrás do veterano Eduardo Fernandes.

Os destaques pela negativa vão para as ausências dos locais André Pedroso e Manuel Cotta, que poderia ter dado que falar nestas condições e ainda a eliminação de uma das maiores referências de sempre de Praia Grande, João Macedo.

Mas foi na prova feminina que houve mais surpresas! O round de 16 começou depois do fim do round 1 masculino e apesar de Camilla Kemp, Teresa Bonvalot, Carina Duarte e Ana Sarmento, as surfistas mais regulares do circuito, terem passado em primeiro, outras, de quem se espera melhores resultados, foram surpreendidas. Carol Henrique, que tem dado cartas na Liga MOCHE e no circuito Pro Junior, perdeu no primeiro heat da fase, para Kemp e Inês Bispo. O mesmo aconteceu com Constança Coutinho e Mariana Assis, que raramente falham as meias finais.

A prova acabou cedo, o que proporcionou uma boa sessão de free surf à frente de campeonato para os mais dedicados. Não deixes de acompanhar o segundo dia de prova em directo em www.liga.moche.pt ou na app mobile Surf MOCHE.

Comentários