O dia não podia ter começado melhor no Caparica Surf Fest, com ondas a rondar o metro e meio nos sets, sem vento e com bons bancos tanto na Praia do Paraíso como na Praia do Dragão Vermelho, locais onde a prova júnior e QS acontecem em simultâneo.

Foi um dia em que os portugueses se deram bem em várias categorias, mas o grande destaque foi para as competidoras do QS feminino no round 2. Tudo começou com uma vitória confortável de Teresa Bonvalot, que abusou do seu surf de backside para deixar a segunda classificada do heat, Jade Magnien, quase em combinação. Pouco depois Carol Henrique fez a melhor média da fase, deixando ainda outra portuguesa, Yolanda Hopkins, em segundo lugar.

Mafalda Lopes descobriu algumas esquerdas e, graças a uma onda muito bem surfada, venceu a sua bateria, deixando a ex-top do CT, Pauline Ado, em segundo lugar. Camilla Kemp não se deixou ficar para trás e também garantiu uma vitória enquanto que Leonor Fragoso avançou em segundo lugar na última bateria da fase, atrás da vencedora do Pro Junior de Espinho, Rachel Presti. Na categoria masculina a “armada lusa” perdeu vários competidores no round 3, Francisco Almeida, Tomás Fernandes e Nicolau Von Rupp, Francisco Alves e Pedro Coelho, enquanto que Miguel Blanco fez questão de ter um destino diferente, e venceu a sua bateria, deixando Kade Matson em segundo lugar.

Na categoria júnior masculina novamente Afonso Antunes foi o destaque, não só entre os portugueses mas da prova em geral. Afonso fez várias ondas impressionantes, conseguindo inclusive uma nota de 8.90 graças a um aéreo muito alto e acabando com um back up de 8.7 pontos. Também Joaquim Chaves e Guilherme Ribeiro mostraram um nível de surf elevado e seguiram para o round 4. Na categoria feminina não houve vitórias mas Carolina Santos, Beatriz Carvalho e Concha Balsemão passaram as suas baterias e juntam-se a Mafalda Lopes e Matilde Passarinho no round 2.

Um novo call para a prova será feito a partir das 9:30, acompanha tudo em directo AQUI!

Comentários