Razia na armada nacional masculina, girls portuguesas salvam o dia!

publicado há 2 anos por 0

Camilla Kemp continua a exibir o quanto o seu surf progrediu no árduo QS, estando já no round 3 e salvando a honra do dia para a armada portuguesa (masculina e feminina).
Camilla Kemp continua a exibir o quanto o seu surf progrediu no árduo QS, estando já no round 3 e salvando a honra do dia para a armada portuguesa (masculina e feminina).

Não fosse a prestação da armada portuguesa feminina no Pro Anglet, QS1500, e tinha sido um dia pesado para as cores nacionais!

O segundo dia do Pro Anglet não poderia ter corrido pior à armada portuguesa masculina. Se no dia anterior já tínhamos perdido três guerreiros, neste segundo dia perdemos mais três, João Kopke, Eduardo Fernandes e Miguel Blanco, que estavam todos no round 3.

O primeiro a entrar na água para condições parecidas com as de ontem foi João Kopke no quarto heat. O goofy de Carcavelos não conseguiu apanhar as melhores ondas, numa altura de maré muito vazia e que proporcionava muitos close-outs, e a sua melhor nota foi um 3.60. A este juntou um 2.97 e com uma média de 6.57 acabou o heat em quarto lugar.

Logo no heat seguinte entrou Eduardo Fernandes. Edu também andou desencontrado das ondas boas e não conseguiu mais que um par de quatros, o suficiente para não ficar em último no heat mas insuficiente para bater a dupla de bascos, Ethan Egiguren e Jatyr Berasaluce, que passaram em primeiro e segundo respectivamente.

O último português neste round 3 era Miguel Blanco. Infelizmente o surfista de São Pedro do Estoril não encontrou as ondas que lhe permitissem mostrar o seu surf e a sua média final de 6.50 (2.93+3.57) colocou-o em quarto lugar e fora do Pro Anglet.

O único português ainda em prova, no round 4, é o que ficou melhor classificado em Lacanau, Pedro Henrique mas que só entrará na água amanhã.

Depois do round 3 dos homens foi a vez da armada feminina, e também nesta competição a Portugal está bem representado. Camilla Kemp foi a primeira a competir, no heat 4 do round 1, e garantiu a passagem para a fase seguinte atrás de Dax McGill.

No heat 6 tínhamos presente a irmã de Pedro Henrique, Carol Henrique, e que acabou por ser a única baixa neste primeiro round. Com duas notas na casa dos três pontos, Henrique ficou em terceiro lugar atrás de Keshia Eyre e Marie Dejean.

No útlimo heat do dia tínhamos a campeã nacional em título a competir, Teresa Bonvalot. A surfista do Guincho conseguiu uma onda boa que lhe rendeu um 6.67 ao qual juntou um 4.10, garantindo a segunda posição do heat e classificando-se para o round 2.

Já no round 2, heat 3, Camilla Kemp voltou a vestir a lycra para mais uma batalha neste QS1500. Kemp surfou muito bem e a prova disso foram as duas notas na casa dos seis pontos que amealhou e lhe deram acesso ao round 3.

O dia terminou no heat 4 pelo que Teresa Bonvalot, a outra representante nacional neste round, não chegou a entrar na água. Quando entrar, irá defrontar no heat 7, Justine Dupont, Holly Wawn e Ariana Ochoa.

O Pro Anglet não tem imagem ao vivo mas podes ver os scores ao vivo AQUI amanhã logo pela manhã.

 

Comentários