Poucos tubos e muitas revelações no Fiji Pro | Dia 6

publicado há 2 anos por 0

FIJI-PRO-DIA-6-2015

Depois de cinco lay days os “nativos” começavam a ficar impacientes e o Fiji Pro finalmente arrancou. No início do dia de prova as ondas rondavam um metro e meio nos sets, com pouco vento mas poucas secções tubulares, e acabaram com mais um metro em cima, e mais vento.

Kelly Slater tem dominado este evento mais do que qualquer outro no tour, já tendo vencido 4 das últimas seis provas em que participou. E tendo em conta as suas “stats”, seria de esperar que “varresse” os primeiros heats sem grandes dificuldades mas não foi o que aconteceu. Logo na primeira bateria do dia chegou a dominar mas acabou em terceiro atrás de Kolohe Andino e Alejo Muniz. O surfista brasileiro está na prova como substituto de Michel Bourez, que se encontra lesionado, e o facto de ter sido dos poucos que apostou em surfar nos dias em que o mar estava pequeno jogou a seu favor, mostrando-se muito solto no seu backside attack.

Não foi o melhor dia para a brazilian storm já que os dois primeiros do ranking, Adriano de Souza e Filipe Toledo, também caíram para a repescagem mas outros membros da tempestade foram destaque. Wiggolly Dantas parece ser o primeiro surfista do seu país a qualificar-se para o WCT e ser ainda melhor e ondas perfeitas do que beach breaks. As suas ondas foram surfadas com uma fluidez incrível, mostrando que esta é mais uma etapa em que pode tirar um grande resultados. Apesar do wildcard Jay Davies ter acabado o heat com um grande tubo os “combos” de manobras de Dantas foram superiores e venceu a bateria.

Gabriel Medina foi o melhor surfista do dia, vencendo sem precisar de fazer tubos ou aéreos. O campeão mundial atacou o lip com pressão ao mesmo tempo que soltava o tail, acabando com a média de 17.13. Também Jadson André e Italo Ferreira venceram com médias altas, confirmando que a “storm” não está a acalmar.

Entre os candidatos ao título Mick Fanning foi o único a avançar, atacando o lip com o surf mais clínico da actualidade, o que o coloca numa boa posição para atacar a liderança do tour. Outros vencedores neste round 1 foram Taj Burrow, Adrian Buchan, Kai Otton, Sebastian Zietz, Nat Young e o rookie Keanu Asing!

Com a subida do mar tudo indica que dentro de horas o Fiji Pro estará de regresso. Não deixes de acompanhar tudo em directo AQUI!

tags:

Comentários