Poucas surpresas no dia 2 do JBay Open

publicado há 7 meses por 0

JBAY-OPEN-2016-DIA-2

Pelo segundo dia consecutivo o JBay Open arrancou cedinho, para mais uma longa jornada de competição.

O primeiro grande heat do dia foi 100% goofy e 100% brasileiro, Wiggolly Dantas VS Jadson André. Dantas fez a melhor onda do round 1 e mesmo assim perdeu, mas rapidamente recuperou a forma, marcando 8.77, 7.5 e 7.43 nas primeiras ondas. Jadson não baixou os braços e atacou o lip na sua melhor ondas com muita agressividade, o que lhe deu uma nota excelente. A precisar de 9.17 recebeu 9.13 e ficou mais perto da posição de qualificação, mas pouco depois Wiggolly respondia com uma onda de 9.5 e “limpava” assim o heat!

Miguel Pupo, que estava 2 heats mais à frente contra Jeremy Flores, parece ter sido inspirado pela prestação dos seus conterrâneos e tratou de fazer algum semelhante para também avançar. E logo e seguida estava Josh Kerr a mostrar que os anos passam mas o surf continua muito actual, com uma onda de 9.23 e outra de 8.83 em que fez um “stalefish” derrotou a “bombinha” aussie, Jack Freestone.

A prova entrou pelo round 3 e Jordy Smith inicialmente parecia estar a surfar com pouca velocidade, mas aparentemente era perfeita para atacar cada secção com muita agressividade. As suas notas foram subindo a cada onda e no fim marcou um 9.5, deixando Kolohe Andino em combinação.

Depois John John passou um heat apertado contra Dusty Payne, Josh Kerr eliminou o rookie do ano passado, Ítalo Ferreira, e Slater surfou ondas pequenas e já com vento on-shore bem o suficiente para bater Adrian Buchan.

As condições deterioraram-se nesse heat e Kieren Perrow deu como terminada a “jornada” neste heat 4 do round 3. Acompanha o próximo dia de prova em directo AQUI!

tags:

Comentários