Os portugueses na perna Europeia da WSL

publicado há 8 meses por 0

OS-PORTUGUESES-NA-PERNA-EUROPEIA-DA-WSL-2016

A perna europeia da WSL arrancou com o Santa Cruz Pro 2016, mas muitos dos melhores surfistas do QS ainda foram aos EUA competir no US Open.

E será em Portugal que a maior parte dos pontos da disputa pelo Championship Tour serão distribuídos, nomeadamente no Azores Pro, etapa QS 6.000 e no Cascais Billabong Pro, etapa QS 10.000.

No entanto ainda faltam quatro etapas QS até ao circuito regressar ao nosso país e muitos “guerreiros lusos” estarão a viajar pela Europa à procura de pontos. A próxima etapa será o Boardmasters, na Cornualha, Inglaterra. Esta que é uma das etapas mais tradicionais do velho continente apenas atraiu 3 surfistas nacionais, provavelmente devido à fraca pontuação e custos de deslocação. Os surfistas lusos presentes serão Tomás Fernandes, o único surfista português que neste momento está inscrito nestas 4 etapas e ainda o júnior Luís Perloiro e Pedro Coelho. O Boardmasters realiza-se entre 10 e 14 de Agosto.

Segue-se o Medoc Ocean Lacanau Pro, realizado em França. Esta etapa, apesar de só oferecer 1.500 pontos, já atraiu mais de 10 surfistas nacionais. Além dos 3 acima mencionados também Pedro Henrique e Frederico Morais, os surfistas lusos mais bem classificados no ranking, marcam presença, além de Miguel Blanco, Eduardo Fernandes, Ruben Gonzalez, João Guedes, João Kopke e mais alguns nomes em ascensão. Esta etapa acontece entre 16 e 21 de Agosto.

A “Armada Lusa” segue para Anglet, França, para mais uma etapa 1.500 pontos. Muitos dos mesmos que competem em Lacanau estarão presentes nesta prova, mas o nome de Frederico Morais é “substituído” por Guilherme Fonseca, outro jovem talento luso que recentemente teve uma boa prestação em Santa Cruz. Camilla Kemp também está no seeding da prova feminina deste campeonato, que oferece o mesmo número de pontos para essa categoria. O Pro Anglet realiza-se entre 24 e 28 de Agosto.

A mais importante destas 4 etapas é o Pantin Classic Galicia Pro, que já oferece 6.000 pontos no ranking e terá presente vários tops do Championship Tour. Isso quer dizer que o número de portugueses será mais reduzido mas mesmo assim neste momento contamos com 7 presenças nacionais. São eles Frederico Morais, Pedro Henrique, Vasco Ribeiro, Marlon Lipke, Zé Ferreira, Nicolau Von Rupp e Tomás Fernandes. Também na prova feminina, que oferece os mesmos pontos, teremos 3 surfistas nacionais, Camilla Kemp, Carol Henrique e Teresa Bonvalot. Esta etapa está apontada para as datas de 30 de Agosto a 4 de Setembro.

E quando essas provas terminarem o QS segue para Portugal, nas datas 6 a 11 de Setembro (Azores Pro) e 24 de Setembro a 2 de Outubro (Cascais Billabong Pro). E será pouco depois, entre 18 e 29 de Outubro, que a elite do surf mundial passa por Peniche, para o MOCHE Rip Curl Pro Portugal, 10º etapa do Championship Tour.

Comentários