O Paul Mitchell Supergirl Pro é uma prova QS 6.000 a contar para o ranking do circuito de qualificação feminino da WSL. Realizada em Oceanside, Califórnia, esta etapa mais uma vez atraiu 3 surfistas portuguesas, todas elas com objectivos bastante ambiciosos.

Teresa Bonvalot, que ocupa a 14º posição do ranking, procura voltar ao top10, ficando assim ao alcance de uma vaga no Championship Tour de 2019 se tirar outros resultados expressivos nas próximas etapas. A sua prova mais fraca é de 650 pontos, um 37º lugar no Los Cabos Open of Surf. Qualquer resultado acima deste poderá “ajudar a sua causa” mas os resultados que realmente precisa para “manter o sonho vivo” são do 5º lugar para cima.

Camilla Kemp e Carol Henrique ocupam as 50ª e 54ª posições respectivamente, tendo pontuações de 555 e 630 para substituir, algo que poderão fazer com facilidade, o que lhes permitirá “escalar” um pouco o top50.

Devido à proximidade de datas com a prova do Championship Tour, que também se realiza na Califórnia logo de seguida, o VANS US Open of Surfing, muitas tops do circuito marcaram presença Paul Mitchell Supergirl Pro, incluindo as campeãs mundiais Carissa Moore e Stephanie Gilmore e ainda a número dois do ranking (atrás de Gilmore) Lakey Peterson.

Acompanha esta prova, entre os dias 27 e 29 de Julho, AQUI!

Heats com surfistas portugueses
Round 1
Heat 1 | Carol Henrique x Tanika Hoffman x Freya Prumm x Nicole Fullford
Heat 9 | Camilla Kemp x Lucia Martiño x Lorena Fica x Julia Camargo

Round 3
Heat 10 | Caroline Marks x Teresa Bonvalot  + 2

Comentários