O regresso épico de Owen Wright no Quiksilver Pro Gold Coast

publicado há 1 semana por 0

O-REGRESSO-DE-OWEN-WRIGHT

Depois de ter ficado um ano a recuperar de uma lesão e de encontrar muitas dificuldades em voltar à forma, poucos apostavam em Owen Wright para um grande resultados na primeira etapa do ano. A sua estreia tinha sido algumas semanas antes, no Australian Open, e apesar de ter passado uma bateria, não impressionou.

Em Snapper apareceu com outro “andamento” e abriu a sua prestação com uma vitória no round 1. No mesmo dia em que Frederico Morais foi eliminado, Owen sofreu uma derrota no round 4, contra Conner O’Leary, mas recuperou na fase seguinte e garantiu a vaga nos quartos de final.

Aí, já no último dia de prova, fez mais uma bateria muito equilibrada contra o rookie O’Leary e foi o grande vencedor. Nas meias finais, em ondas muito longas mas muito deterioradas pelo vento on-shore, Wright encontrou Gabriel Medina, que tinha batido Kelly Slater num final de heat impressionante. Medina tinha contraído uma lesão no round 1 da prova mas não se deixou afectar e fez algumas das melhores ondas de toda a prova.  No heat contra Owen o brasileiro já não conseguiu fazer a sua “magia” e graças a alguns erros acabou eliminado e o seu companheiro de equipa passou para a final.

Do outro lado da grelha vinha outra grande surpresa, Matt Wilkinson. O vencedor da etapa no ano passado era um improvável finalista, principalmente quando o seu adversário nas meias finais, John John Florence, fez uma nota de 9.5 nos primeiros minutos. Nos minutos finais Florence tinha a vantagem e a prioridade mas usou-a numa onda fraca e por falhar um aéreo não conseguiu melhorar o seu back up de 6 pontos. Na onda seguinte Wilko soube esperar pelas secções verticais e conseguiu tirar uma nota de 8.07, acabando na frente.

A final foi um heat muito equilibrado mas Owen Wright foi um pouco melhor e garantiu que saía da Gold Coast com a lycra amarela. A final feminina também foi impressionante e acabou com a vitória da 6x campeã mundial Stephanie Gilmore sobre Lakey Peterson.

Comentários