O maior circuito do Surf Português está de volta. Bem-vindos à Liga MEO Surf 2017!

publicado há 2 meses por 0

Liga-MEO-Surf-2017-Calendario

São cinco as etapas que irão definir quem será o campeão nacional de surf masculino e feminino de 2017. A novidade no calendário é o regresso da Figueira da Foz!

Estamos a 15 dias do arranque do mais importante circuito português de surf, que em 2017 volta a ter como principal patrocinador o MEO, marca que em 2012 deu também o nome a este circuito. Serão as perfeitas direitas de Ribeira d’Ilhas, Ericeira, a receber os melhores surfistas nacionais e a prova de fogo começará logo para os actuais campeões nacionais, os irmãos Henrique, Pedro e Carol. Além do calendário (que poderás descobrir mais abaixo), o apuramento para o wildcard para o CT, uma evento paralelo para os groms e um aumento de premiação são apenas algumas das novidades. Descobre todas elas já de seguida.

Press Release
“Foram vários os temas apresentados relacionados com as provas de 2017, suas datas, patrocinadores, troféus, eventos paralelos, media e plataformas de transmissão. Quanto ao Umbrella Sponsor, a Liga Nacional de Surf segue firme e de mãos dadas com o grupo Portugal Telecom, assumindo para 2017 o naming da Liga através da marca MEO, numa demonstração de apoio ao amadurecimento da principal competição do Surf em Portugal.

Luíza Galindo, Diretora de Marketing de Comunicação do MEO refere que “a Liga MEO Surf 2017 é já o sétimo ano em que a Portugal Telecom assume o umbrela sponsor da competição que define os campeões nacionais de surf. É já um longo e frutuoso caminho que temos vindo a percorrer em conjunto com Associação Nacional de Surfistas, sempre em prol do desporto. Acreditamos que somos uma das empresas que mais contribui para o crescimento do Surf em Portugal, continuando a apontar, com o nosso exemplo e sucesso, o caminho a outras empresas nacionais e internacionais”.

Este ano, a Liga MEO Surf conta com novidades de peso como o ‘Road to MEO Rip Curl Pro’, que vem interligar os dois maiores patrocínios de surf da marca e assegurar a definição do wildcard que se irá juntar ao Frederico Morais na etapa portuguesa do World Tour – o MEO Rip Curl Pro. Também a aposta nos mais novos sai reforçada com o ‘MOCHE Groms Cup’, um desafio por etapa para 12 surfistas sub-16, em quadro misto masculino e feminino. E claro que o MEO volta a disponibilizar a capacidade da sua fibra ótica de última geração nas 5 praias da Liga, assegurando a qualidade das transmissões em qualquer uma das plataformas, seja na TV através do MEO Kanal ou na internet”.

O calendário da Liga MEO Surf 2017 é o seguinte:

1ª etapa – 24 a 26 de Março – Allianz Ericeira Pro
2ª etapa – 12 a 14 de Maio – Renault Porto Pro
3ª etapa – 2 a 4 de Junho – Allianz Figueira Pro
4ª etapa – 14 a 16 de Julho – Allianz Sintra Pro
5ª etapa – 14 a 16 de Setembro – Bom Petisco Cascais Pro

Outro eixo em consolidação é a premiação aos surfistas que, de ano para ano, tem vindo a subir consistentemente e, em 2017, será de 90.000€, um incremento de 11% face a 2016. Inclui-se aqui a Allianz Triple Crown, que já vai na sua 3ª edição com um cheque anual de 6.000€, repartido entre os vencedores no masculino e feminino, e ainda a disputa da melhor manobra e os seus 2.500€ anuais atribuídos através da Renault Expression Session. A estes juntam-se agora a premiação da melhor onda por etapa também com 2.500€ anuais com o Somersby Onda Do Outro Mundo e o programa dos Municípios de valorização dos surfistas locais onde as Câmaras Municipais de Mafra, Figueira da Foz, Sintra e Cascais entregarão um cheque global de 1.500€ ao melhor e à melhor surfista local em cada uma das suas provas.

Em complemento à competição pelos títulos nacionais, a agenda de interesse da Liga MEO Surf é também reforçada em 2017 onde, para além das tradicionais atividades dos patrocinadores, passa a contar com um workshop de fotografia Canon da responsabilidade do fotógrafo de surf Ricardo Bravo – a realizar nas etapas da Ericeira, Porto, Sintra e Cascais – e também um programa de empreendedorismo de Surf, mar e ambiente com a presença e promoção de negócios de start-ups locais.

No plano de engagement com o público, em cada etapa, os fãs vão poder fazer as suas apostas quanto aos vencedores da etapa, tanto no masculino como no feminino, habilitando-se a prémios como o relógio Search GPS ou fatos E-Bomb da Rip Curl, assim como, um prémio anual de convite completo para o MEO Rip Curl Pro.

Ao nível da comunicação geral da Liga, o destaque no leque de media partners é o retorno ao Surf da SIC como TV Oficial para toda época de 2017, esta que foi a estação pioneira da divulgação do Surf em Portugal. Para além disso, mantém-se uma consistência das parcerias dos anos anteriores, reforçando-se o domínio dos jornais generalistas e desportivos, nos quais o Jornal i junta-se ao Diário de Notícias e ao Jornal A Bola.

Francisco Rodrigues, Presidente da Associação Nacional de Surfistas, salienta: “Não podíamos estar mais contentes. Se no final do ano passado, um dos surfistas mais carismáticos da Liga, Frederico Morais, celebrou o seu sonho ao qualificar-se para a elite do surf mundial, em 2017, só podíamos voltar ainda mais fortes. É um momento importante para a ANS porque celebramos 20 anos em julho próximo. Para o efeito, conseguiu-se reunir uma equipa muito sólida de marcas e parceiros que, em conjunto, proporcionam o maior investimento no surf nacional de sempre, com a certeza que a muito competitiva disputa pelos títulos nacionais continuará o seu caminho com vista à criação e ao desenvolvimento de grandes nomes do Surf Português. Deixo um convite a todos para acompanharem o melhor surf nacional. Batam palmas aos vossos favoritos!”.

Todas as etapas da Liga MEO Surf têm transmissão em directo em  www.ligameosurf.pt, e no MEO Kanal 202020, juntando-se ainda os programas diários e de resumo na SIC Radical e Bola TV. As plataformas oficiais são os meios institucionais da Associação Nacional de Surfistas através do seu portal www.ansurfistas.com e as redes sociais em @ansurfistas.

A Liga MEO Surf 2017 é uma organização da Associação Nacional de Surfistas e da Fire!, com o patrocínio do MEO, Allianz Seguros, Renault, Bom Petisco, Rip Curl, Somersby e Moche, os apoios locais dos Municípios de Mafra, Almada, Porto e Matosinhos, Sintra e Cascais, os parceiros oficiais SIC e Cidade FM e os media partners Diário de Notícias, Jornal I, A Bola, Beachcam, ONFIRE Surf e Surftotal, e o apoio técnico da Federação Portuguesa de Surf, Ericeira Surf Clube, Onda Pura, Associação de Surf da Figueira da Foz, Bar do Fundo e Clube Recreativo e Cultural da Quinta dos Lombos.”

Comentários