Terminou esta noite (hora portuguesa) a prova de acesso ao main event de um dos mais importantes campeonatos da WSL, o Tahiti Pro Teahupoo. Com ondas incríveis até aos dois metros e meio, alguns dos melhores tube riders do mundo disputaram as duas vagas na etapa do Championship Tour e no fim foram os surfistas locais que dominaram.

Os tahitianos eram maioria mas alguns nomes internacionais como Bruno Santos, Barron Mamiya, Billy Kemper e Jack Robinson eram fortes ameaças na disputa das prestigiosas vagas no evento. Santos era o claro favorito e nos quartos de final man-on-man mostrou um nível de surf muito alto. Nessa bateria o irmão de Michel Bourez, Kevin, abriu com uma onda muito forte, de 8.5 pontos, mas Bruno respondeu com um 9.5. Perto do fim era Bourez quem liderava mas o ex-campeão desta etapa respondeu com uma nota de 7.8 pontos e venceu. No heat seguinte, ainda nos quartos de final, Mateia Hiquily, que já foi destaque no QS mas entretanto a falta de patrocínios deixou-o fora dos grandes eventos do tour, fez ainda melhor, notas de 9.5 e 9.65 para bater o havaiano Barron Mamiya.

Nas meias finais Bruno Santos foi superado por pouco por Tikanui Smith, enquanto que Hiquily fazia o mesmo com Matahi Drollet. A partir desse momento tanto Mateia Hiquily como Tikanui tinham cumprido os seus objectivos, garantindo assim as vagas no main event, mas ainda havia um prémio em disputa, o de campeão dos trials. Smith estava ligeiramente lesionado, sendo presa fácil para Mateia, que o meteu em combinação e assim levou o título.

Tikanui, por ter o seeding mais baixo dos dois (970º do ranking QS) terá o “prazer” de enfrentar o número 1 do ranking, Filipe Toledo e ainda Connor O’Leary, no heat 6 do round 1, enquanto que Hiquily terá como adversários o número 2, Julian Wilson, e Yago Dora no heat anterior.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

Heats do round 1
Heat 1: Wade Carmichael x Ezekiel Lau x Ian Gouveia
Heat 2: Jordy Smith x Sebastian Zietz x Miguel Pupo
Heat 3: Italo Ferreira x Tomas Hermes x Kelly Slater
Heat 4: Gabriel Medina x Joel Parkinson x Wiggolly Dantas
Heat 5: Julian Wilson x John John Florence x Mateia Hiquily
Heat 6: Filipe Toledo x Filipe Toledo x Tikanui Smith
Heat 7: Willian Cardoso x Jeremy Flores x Joan Duru
Heat 8: Michel Bourez x Frederico Morais x Michael February
Heat 9: Griffin Colapinto x Kanoa Igarashi x Keanu Asing
Heat 10: Owen Wright x Adriano de Souza x Matt Wilkinson
Heat 11: Conner Coffin x Kolohe Andino x Patrick Gudauskas
Heat 12: Michael Rodrigues x Adrian Buchan x Jesse Mendes

Comentários