Como já tem sido tradição no Caparica Primavera Surf Fest, o primeiro dia de prova parece procurar bater algum tipo de recorde de heats realizados, 52 no total.

Divididos por dois bancos entre o Caparica Pro, etapa QS masculina, e o Caparica Junior Pro, a acção não parou e os competidores em prova nos dois eventos tiveram de manter o foco. No Pro Junior os portugueses estiveram fortes no primeiro round, conseguindo várias vitórias, mas na segunda fase o sucesso foi mais limitado. Aí apenas João Vidal e Salvador Couto foram os destaques pois venceram os seus heats mas dos 31 competidores iniciais apenas 9 se encontram no round de 64.

Um dos poucos a ter sucesso em ambas as provas foi Salvador Couto, que depois de ter sido o melhor surfista português na categoria masculina do primeira etapa do circuito Pro Junior, fechou o dia com mais uma vitória, desta vez no Caparica Pro. Também Afonso Antunes dominou a sua bateria, deixando Will Bailey em segundo e eliminando Marco Mignot e Sean Gunning. Joaquim Chaves também venceu mas foi Pedro Coelho quem mais “brilhou” entre os portugueses, tendo conseguido uma das melhores notas de toda a provam um 8.9, provando assim que a aposta no circuito QS começa a dar frutos. Também Martin Paulino e Zé Champalimaud avançaram, juntando-se aos restantes competidores lusos que já se encontravam no round 2.

Acompanha a evolução desta prova em directo AQUI!

Comentários