As ondas melhoraram ligeiramente para o segundo dia do Vissla World Junior Surfing Championship, prova realizada em Huntington Beach, Califórnia.

Ao fim de poucas horas os portugueses que ainda não se tinham estreado foram à água e fizeram boa figura. Nos Sub16 Masculinos Afonso Antunes surfou apenas três ondas mas a primeira deu uma nota de 8.17 e a terceira serviu para ficar com um back up sólido, de 5.17, vencendo com grande destaque a bateria. Martim Paulino surfou pouco depois, também só fez três ondas, e também venceu a sua bateria com facilidade.

Já nos Sub16 Feminino Francisca Veselko passou a sua bateria do round 1 em segundo lugar, tal como Beatriz Carvalho, que passou atrás da irmã de Gabriel Medina, Sofia.

Entretanto as categorias de Sub18 já vão mais avançadas. No round 2 masculino do evento principal José Champalimaud ficou muito perto de superar um dos melhores surfistas desta escalão etário da actualidade, Kauli Vaast, numa bateria em que ambos foram surpreendidos pela vitória do mexicano Alan Cleland. Infelizmente o português acabou por cair para a repescagem enquanto que o outro luso ainda em prova no main event, Guilherme Ribeiro, não chegou a competir neste dia. Nas repescagens João Vidal passou para o round 2, mantendo vivo o objectivo de chegar a fases avançadas da prova.

Na categoria feminina (Sub18) Mafalda Lopes mais uma vez provou que está em grande progressão, vencendo a sua bateria do round 2 com notas de 6.33 e 3.60 pontos. Carolina Santos também esteve muito bem, invertendo a sua posição, do 3º para o 2º lugar, muito perto do fim de uma bateria em que esteve muito tempo fora dos lugares de qualificação.

Mesmo com alguns competidores nas fases de repescagem, a selecção portuguesa mantém-se numa boa posição para tirar um bom resultado nesta prova. Acompanha tudo em directo AQUI!

Comentários