Não há qualquer dúvida que a onda de Teahupoo é a mais perigosa do calendário da ASP, mas o historial desta prova tem um “cadastro” bastante limpo. Alguns cortes têm sido das piores “lesões” que Teahupoo tem “atribuído” aos competidores, mas nos trials deste ano receou-se o pior.

Kevin Bourez, irmão de Michel, era um dos favoritos a vencer a fase de qualificação para o main event, mas deu o maior “wipeout” dos trials, aterrando de cabeça no reef. Apesar disso, segundo o médico da ASP, o tahitiano já está “estável” e deverá fazer uma recuperação completa.

Isso deixou espaço para outros favoritos como Tuamata Puhetini e Nathan Hedge terminarem em 1º e 2º lugares, respectivamente, e assim conseguirem as vagas no main event! Estes dois surfistas vão agora dar o seu melhor para derrotarem os números um e dois do mundo, Gabriel Medina e Joel Parkinson, nas baterias 5 e 6 do round 1.

Tiago Pires entra logo no heat seguinte, a sétima bateria, e terá pela frente dois surfistas brasileiros que conhece bem, Adriano de Souza e Miguel Pupo. Acompanha tudo em directo dentro de quatro dias!

Heats do Round 1
H1: Kelly Slater x Sebastian Zietz x Dion Atkinson
H2: Michel Bourez x Filipe Toledo x Glenn Hall
H3: Taj Burrow x Matt Wilkinson x Raonni Monteiro
H4: Mick Fanning x Adam Melling x Brett Simpson
H5: Joel Parkinson x Alejo Muniz x Nathan Hedge
H6: Gabriel Medina x Adrian Buchan x Tuamata Puhetini
H7: Adriano de Souza x Miguel Pupo x Tiago Pires
H8: Nat Young x CJ Hobgood x Aritz Aranburu
H9: Kolohe Andino x Freddy Patacchia x Jadson André
H10: Josh Kerr x Julian Wilson x Travis Logie
H11: Owen Wright x Bede Durbidge x Kai Otton
H12: Jordy Smith x John John Florence x Mitch Crews.

Comentários

Os comentários estão fechados.