O Rip Curl Narrabeen Classic presented by Corona decorreu sem grandes percalços ao longo de 4 dias e o 5º seria o dia das finais.

As ondas rondavam um metro, sem vento, boa formação e com menos close outs que nos dias anteriores logo nas primeiras baterias. O dia começou com a prova feminina e a líder do circuito, Carissa Moore, dominou por completo a primeira bateria, eliminando Keely Andrew. Tatiana Weston-Webb encontrou nas esquerdas de Narrabeen condições perfeitas para brilhar, abusando dos carves de frontside para deixar Sally Fitzgibbons fora do evento. A fase não terminava sem Caroline Marks superar Johanne Defay e Courtney Conlogue surpreender uma pouco inspirada Stephanie Gilmore.

Frederico Morais estava no primeiro heat dos quartos de final masculinos, contra o seu companheiro de equipa da Billabong Ethan Ewing. O australiano é um dos surfistas com mais potencial do tour, mas nunca tinha conseguido chegar a esta fase até agora. Morais era o favorito para vencer o heat e mostrou o porquê do seu favoritismo, pontuando duas notas altas nos primeiros 5 minutos. Com os seus combos, snap, batida e reentry de backside em duas boas esquerdas, Frederico garantiu uma boa liderança e nos minutos finais Ewing já precisava de uma nota de 8 pontos. Ethan não parou de fazer ondas e conseguiu baixar o requisito, mas o resultado não mudou, o que garantiu a Kikas mais uma presença nas meias finais.

Notícia em actualização…

Comentários