Fernandes e Ferreira eliminados em Ballito

publicado há 2 anos por 0

BALITO-PRO-2015-DIA-4

Apesar de se prever uma melhoria nas condições mais perto do fim da prova, o quarto dia do Ballito Pro foi muito semelhante aos anteriores com ondas fracas!

Nesta segunda fase já só estavam dois surfistas portugueses em prova e ambos tinham passado com distinção, mostrando potencial de chegar mais longe no campeonato mas infelizmente não conseguiram repetir a performance da fase anterior.

Tomás Fernandes foi o primeiro dos dois a competir, contra Joan Duru, o top do WCT Keanu Asing e Tanner Hendrickson. Os primeiros dois eram os mais experientes do heat e conseguiram pontuar forte desde o início, deixando Tanner e Tomás a “correr atrás”. As primeiras ondas do surfista da Ericeira não tinham grande potencial mas esperava-se que a qualquer momento conseguisse acelerar o passo e assim desse a volta ao resultado como no heat anterior. E foi o que tentou fazer, mas foi tarde e pouco, já que as suas ondas não tinham a “open face” que necessitava para pontuar mais forte e foi eliminado.

Zé Ferreira entrou umas horas mais tarde e não encontrou o mesmo timing para escolher as ondas certas que Mitch Crews e Stu Kennedy, que estavam muito inspirados. Os dois australianos trocaram notas excelentes entre eles e deixaram o português a precisar de uma combinação e Cooper Chapman de um 9.47. Ferreira fez algumas manobras fortes durante a bateria mas faltaram as ondas com potencial para fazer grandes scores e também perdeu.

O grande destaque do dia foi mais uma vez o brasileiro Michael Rodrigues que, depois de fazer uma nota 10 no dia, anterior marcou 9.00 e 8.40 pontos e deixou todos em combinação. Com o fim desta fase também a prova terminou neste dia. Acompanha o resto da prova em directo AQUI!

Comentários