A escassez de ondas que se fez sentir este sábado na Praia do Amado, em Aljezur, obrigou o Allianz Algarve Pro, a quarta e penúltima etapa da Liga MEO Surf, principal competição de surf em Portugal e onde se disputam os títulos máximos da modalidade, a ter um dia de pausa, sem qualquer avanço na competição. Depois de uma primeira chamada às 9 horas, a decisão de não avançar com o campeonato acabou por ser tomada às 14 horas.

Apesar de ser uma decisão pouco vulgar a nível da Liga MEO Surf, as previsões do mar já apontavam para tal cenário. A faltarem ainda sete horas de competição para se encontrar os campeões da etapa algarvia, a chamada para o dia final de prova ficou assim marcada para as 8H30 de domingo, sendo esperada a chegada de um novo swell e mais ondas.

“Fizemos uma chamada às 9 horas, onde se confirmou que não havia ondas, tal como já esperávamos”, começou por dizer Pedro Monteiro, diretor de prova da Liga MEO Surf. “Ontem tínhamos adiantado o campeonato já para conseguir gerir o tempo e hoje percebemos que foi uma boa decisão. Não tomámos a decisão final logo ao início do dia porque não sabíamos o que a mudança de maré nos ia reservar, mas o mar apresentou-se praticamente igual. Para domingo temos ainda sete horas de competição pela frente. Há um swell previsto para entrar e, de acordo com as previsões, promete trazer algumas ondas que farão com que o terceiro seja o melhor dia de prova deste campeonato. Temos fé que vamos fechar o Allianz Algarve Pro em grande”, sublinhou.

Agenda para Domingo, 23 de Junho
08h30 – Call terceiro dia de competição (por confirmar)
12h00 – Jerónimo Martins: desafio de proteção dos oceanos
13h00 – Renault: Expression Session (por confirmar)
14h30 – Finais do Allianz Algarve Pro (por confirmar)
15h30 – Cerimónia de Entrega de Prémios do Allianz Algarve Pro (por confirmar)

Comentários